Últimas notícias:

Loading...

Em Roma, a liberdade é um tour de bike

Por: Márcio Diniz

Por Heitor e Silvia Reali do site Viramundo e Mundovirado

São inúmeras as maneiras de conhecer Roma, mas uma é especial –de bicicleta.

É aí que entra a brasileira Mariane Checon. Ela organiza tours de bikes para todas as idades pela capital italiana. São roteiros vibrantes, individuais ou para curtir com sua turma.

O tour convida o ciclista a visitar a cidade ao mesmo tempo que observa seus principais atrativos e locais de grandes acontecimentos históricos. É impossível pedalar em Roma sem fixar-se na linha que separa a história romana e o prazer de aventurar-se livremente.

A cidade das sete colinas não é grande. Seus palácios e vilas, igrejas e principais monumentos, como as ruínas do Fórum Romano, o Coliseu, o Castel Sant’Angelo, Fontana di Trevi, as escadarias da praça de Espanha, … são facilmente alcançados ao redor de uma hora. Entre esses destinos, em uma viela, uma surpresa que pode-se revelar numa descoberta gastronômica, numa loja de marionetes, ou em uma loja de artigos esportivos.

Nessa giornata, em sua maioria de meio período, a liberdade já começa no momento que se sobe na bicicleta. É você que vai desenhar seu cardápio turístico e fixar onde vale a pena uma parada: escolher o lugar para um selfie, descolar um bate-papo com um romano ou una ragazza, com a desculpa de perguntar onde se pode tomar um buon café macchiato, ou saborear um tiramissú, ou ainda pedir uma taça de campari. O que de fato dá significado às viagens são esses momentos ‘fora de percurso’, e que vão fazer sua experiência em Roma ser única.

E, no final do tour você poderá comprovar se essa cidade possui a beleza e merece a glória de cidade eterna, cabeça do mundo.

Ah! Íamos esquecendo: os romanos são vidrados em veículos de duas rodas. Agora é a vez das bikes, décadas atrás foi a vez das vespas, e há milênios foram as bigas de duas rodas puxadas por cavalos.

Dois roteiros são os mais escolhidos: um pelo centro histórico (3h de duração) e outro por algumas colinas de Roma, de onde é possível ter uma visão panorâmica da Cidade Eterna (4h:30 de duração).

Os atrativos culturais pelo centro histórico são muitos, Coliseu, Praça Espanha, praça Navona, Fontana di Trevi, o bairro Trastevere, Mercado Campo di Fiori, Cavaleiros de Malta, para citar alguns.

No tour panorâmico, visita-se duas áreas verdes da cidade, a Villa Borghese, o parque mais querido dos romanos, e o Giardino degli Aranci, um dos mais belos mirantes da cidade e também um dos lugares mais românticos.

“Conhecer esses lugares de bicicleta é uma experiência divertida e mais interativa com a cidade. Sentir o sol e o vento e pedalar no meio desses atrativos é uma das melhores coisas que alguém pode fazer estando em Roma”, garante Checon.

Quem organiza:

Mariane Checon: (39) 344 26 80 816
www.bicibaci.com
www.roma4estacoes.com.br

Compartilhe: