Últimas notícias:

Loading...
EM ALTA

5 praias quase ‘desertas’ para conhecer no litoral norte de SP

São opções para todos os perfis de viajantes, algumas praias são "quase" desconhecidas

Por: Redação

O litoral norte de São Paulo possui algumas das praias mais bonitas do Sudeste brasileiro, e algumas delas ainda “quase” desconhecidas de muitos viajantes.

A região conta com diversas opções de praias isoladas, algumas acessíveis apenas por trilha, que preservam a rusticidade e a calmaria –ideias para se isolar e evitar aglomerações.

Circuito Litoral Norte
Crédito: Divulgação/ircuito Litoral NorteCom ajuda do pessoal do Circuito Litoral Norte, selecionamos cinco praias tranquilas e ainda quase intocadas

O litoral norte de SP é composto pelos municípios de Caraguatatuba, Ilhabela, São Sebastião e Ubatuba.

Com ajuda do pessoal do Circuito Litoral Norte, selecionamos cinco praias tranquilas e ainda quase intocadas na região para conhecer. São opções para todos os perfis de turistas.

Praia da Mococa (Caraguatatuba)

A praia de Mococa é uma das melhores para a prática de mergulho livre, pesca esportiva e caiaque, que pode ser alugado no local. Além disso, é uma das saídas para a ilha do Tamanduá.

Crédito: Divulgação/PMCA praia de Mococa, em Caraguatatuba, é uma das melhores para a prática de mergulho livre

Localizada aproximadamente a cerca de 14 km do centro de Caraguatatuba, a praia da Mococa tem cerca de um quilômetro de extensão e fica entre as praias da Cocanha, ao sul, e Tabatinga, ao norte. Com mar calmo, é ideal para banhistas e a prática do caiaque, que pode ser alugado no local.

O local também é famoso por sua areia monazítica, que pode ser utilizada no tratamento de artrite, inflamações, dores reumáticas e tratamento das articulações.


#DicaCatraca: sempre lembre de usar a máscara de proteção, andar com álcool em gel, respeitar o distanciamento social e sair de casa somente se necessário! Caso pertença ao grupo de risco ou conviva com alguém que precise de maiores cuidados, evite passeios presenciais. A situação é séria! Vamos nos cuidar para sair desta pandemia o mais rápido possível. Combinado?


Praia da Pacuíba (Ilhabela)

Para alcançar a estreita faixa de areia, de apenas 127 metros, desta praia é preciso percorrer cerca de 3 km de carro de estrada de terra, depois do fim do trecho pavimentado, e fazer uma trilha de 212 metros na mata, de aproximadamente cinco minutos.

Crédito: Divulgação/Ilhabela Convention & Visitors BureauPraia da Pacuíba, em Ilhabela, tem apenas 127 metros de faixa de areia

Esta característica de isolamento torna a praia quase deserta em boa parte do ano, com um bom ponto de descanso na sombra e um pequeno córrego para se refrescar com a água gelada que escorre pelas pedras.

As águas claras são ótimas para mergulho livre e fáceis de achar diversas espécies de vida marinha. Dependendo da época do ano, é possível encontrar ondas (surfáveis em raros dias) e, quase sempre, boas condições para kitesurfe e windsurfe. Pouco frequentada, não tem estrutura de barracas, quiosques ou restaurantes.

Barra do Una (São Sebastião)

A Barra do Una está situada no bairro de mesmo nome, a menos de 60 km do centro de São Sebastião. A praia oferece trilhas pela Mata Atlântica, rio que deságua no mar e águas cristalinas.

Crédito: Marcos Bonello|PMSSQue tal uma praia que oferece trilhas pela Mata Atlântica, rio que deságua no mar e águas cristalinas

Além disso, chama a atenção pela “península” de areia que forma no lado esquerdo da praia, onde passa o rio Una no encontro com o mar.

No rio, caiçaras e turistas navegam de stand up paddle e caiaques, mas também muitos visitantes fazem passeios de barco nas redondezas.

Praia do Cedro (Ubatuba)

Praia deserta, com uma pequena faixa de areia fofa, muitas rochas grandes por toda praia, moradores locais utilizam a baía do Cedro para cultivar mexilhões. Não oferece nenhuma estrutura de turismo, hospedagem e alimentação.

Praia do Cetro é quase deserta, com uma pequena faixa de areia fofa e muitas rochas
Crédito: Dririchetto/iStockPraia do Cetro é quase deserta, com uma pequena faixa de areia fofa e muitas rochas

A praia do Cedro também é famosa pela aparição de baleias e tartarugas, além da rica vida marinha que pode ser observada mesmo em um mergulho com snorkel.

A praia fica em frente à Ilha do Mar Virado e pode ser acessada tanto da praia da Fortaleza, em um percurso de 40 minutos, quanto da Lagoinha, em um trajeto de uma hora.

Praia da Fome (Ilhabela)

A belíssima e calma praia da Fome, que fica entre as do Jabaquara e do Poço, é ideal para a prática de mergulho de flutuação. Com areias claras, águas transparentes e árvores que garantem a sombra para os visitantes.

Circuito Litoral Norte
Crédito: Divulgação/ircuito Litoral NorteA belíssima e calma praia da Fome, em Ilhabela

O acesso é feito de barco, partindo da praia do Perequê. O trajeto leva cerca de 20 minutos. Há também agências de passeios que realizam roteiros de escuna até a Praia da Fome, consulte opções aqui.

Dica extra

Itaguaré (Bertioga)

Oficialmente, Bertioga não é um dos munícipios que compõe o litoral norte de São Paulo, mas sim a região Metropolitana da Baixada Santista.

Com natureza intocada, a praia do Itaguaré, localizada a 20 km do centro da cidade, oferece uma das paisagens mais bonitas da região. Integrando o Parque Estadual da Restinga, a faixa de areia se oculta pela mata preservada, formando um cenário a ser descoberto.

 Vista da a praia do Itaguaré, em Bertioga, no litoral norte de São Paulo
Crédito: Diego-Bachiega/Circuito Litoral NorteVista da praia do Itaguaré, em Bertioga, no litoral norte de São Paulo

A praia do Itaguaré tem 3 km, que se divide em duas por uma enorme falésia. Com mar de ondas fortes, indicado para surfistas, o lugar também oferece como atrativo o encontro do mar com o rio que dá nome à praia, onde é possível praticar canoagem ou stand up paddle.

Em uma curta trilha próxima da falésia, é possível encontrar bons restaurantes que oferecem ostras, peixes, crustáceos, frutos do mar e outras delícias típicas de praia.