Últimas notícias:
Loading...

Saiba onde comer delícias veganas e se hospedar em Austin

Roteiro traz 7 lugares para comer excelentes pratos veganos e vegetarianos na capital do Texas

Austin é a prova de que Texas também  agrada a vegetarianos e veganos. Tortas, queijos veganos, hambúrgueres criativos, tacos e mais delícias sem nada de origem animal estão espalhados pela cidade em food trucks, rofftops e restaurantes gourmets.

Austin, a capital do Texas, inclusive, já entrou na lista das melhores cidades veganos nos EUA, pela revista VegWorld.

Pudim de arroz levíssimo com sorvete de pêssego do badalado rooftop Wax Myrtle’s
Créditos: Andrea Miramontes/ instagram @ladobviagem
Pudim de arroz levíssimo com sorvete de pêssego do badalado rooftop Wax Myrtle’s

O Estado norte-americano, famoso pelo churrasco e cultura country, tem na moderninha Austin restaurantes veganos de excelência e passeios culturais e de arte moderna.

A capital do Texas também é conhecida como capital da música ao vivo, que  é um dos 4 pontos imperdíveis em Austin

É na cidade, inclusive, que acontece o festival anual SXSW (South by South west – todo março), que traz inovações na música, tecnologia e cultura pop.

Arte contemporânea e street art é outro destaque dessa cidade vibrante. Entre um show e outro, uma galeria e outra, come-se muito bem.

Vamos a 7 restaurantes sensacionais com excelentes opções veganas e vegetarianas.

1- Rebel Cheese – 100% vegano

Tábua de queijos veganos do Rebel Cheese, em Austin
Créditos: Andrea Miramontes / instagram @ladobviagem
Tábua de queijos veganos do Rebel Cheese, em Austin

A maior variedade de queijos veganos que já vi está neste pequeno restaurante, que fica a 10/15 minutos de carro do centro da cidade.

Queijos trufados, franceses, de ervas, cremosos, ou do tipo parmesão, estão em uma vitrine de babar. A maior parte dos queijos é feita de castanhas.

Peça a tábua de queijos para dividir (pedi sozinha, mas é muita coisa), que vem com geleias, castanhas e pastas deliciosas.

Prove ainda o sanduíche de bacon e brie veganos. Sensacional. Para sobremesa, torta de frutas vermelhas.

Tortinha vegana cremosa de frutas vermelhas
Créditos: Andrea Miramontes / instagram @ladobviagem
Tortinha vegana cremosa de frutas vermelhas

2- Bouldin Creek Cafe –  100% vegano

O cardápio vegano desse café impressiona e dá vontade de pedir tudo! A visita é uma excelente oportunidade para brunch.

Pedi ovo mexido vegano, que, na verdade, é feito de tofu defumado mexidinho. Já garanti a proteína do dia logo de manhã. Vem muito bem-servido.

Mocha vegano com leite de aveia e chocolate orgânico
Créditos: Andrea Miramontes / instagram @ladobviagem
Mocha vegano com leite de aveia e chocolate orgânico
Tofu mexidinho lembra ovos mexidos
Créditos: Andrea Miramontes / instagram @ladobviagem
Tofu mexidinho lembra ovos mexidos

Para acompanhar, mocha vegano supercremoso, feito com leite de aveia, chocolate orgânico.

Finalize com uma tortinha de blueberry.

3 – The Beer Plant – 100% vegano

Estive neste gastropub para o almoço. Mas funciona muito bem também para happy hour.

Quem abandonou produtos de origem animal por empatia com os bichos sai o coração quentinho. Ele está localizado em uma galeria inteira vegana, que inclusive tem uma ong para adoção de animais.

O cardápio é bem variado. Fui de sanduíche de espinafre com cheddar vegano, que impressiona pelo sabor e cremosidade.

Para acompanhar, há muitos drinks assinados. Um deles é o Little Miss Sunshine, com baunilha, purê de pêssego, tônica e limão.

Sanduíche de esppinafre com cheddar vegano
Créditos: Andrea Miramontes / instagram @ladobviagem
Sanduíche de esppinafre com cheddar vegano

Aos finais de semana há cardápio especial para brunch.

O gastropub fica em uma área residencial, a 10 minutos de Uber do centro de Austin.

Gastropub The Beer Plant fica em uma galeria inteira vegana, em Austin
Créditos: Andrea Miramontes / instagram @ladobviagem
Gastropub The Beer Plant fica em uma galeria inteira vegana, em Austin

4 – Wax Myrtle’s – rooftop com opção vegetariana

O melhor horário para visitar o rooftop é no final de tarde, para bebericar e comer ao pôr do sol.

Chef Nick Erven, que não é vegano, prepara comidinhas da costa californiana, com inspiração no México.

Como opção vegetariana, pedi um taco de batata doce e verduras frescas, que se mostrou um mix de sabores adocicado, salgado e apimentado. Delicioso.

Taco de batata doce e verduras frescas acompanha um rosé ao pôr do sol
Créditos: Andrea Miramontes / instagram @ladobviagem
Taco de batata doce e verduras frescas acompanha um rosé ao pôr do sol

Para finalizar, provei uma das mais leves e deliciosas da vida. Mesmo sendo avessa a doces feitos com arroz, aceitei a sugestão do chef.

O pudim de arroz com coco sensacional lembra um chatilly levíssimo, acompanhado por sorvete de pêssego, coberto por calda de morango.

O rooftop do badalado tem localização ótima, pertinho da 6th street, a rua de baladas (mas tudo nessa rua começa depois das 21h).

Vá ao rooftop no final de tarde para um pôr do sol maravilhoso!
Créditos: Anddrea Miramontes / instagram @ladobviagem
Vá ao rooftop no final de tarde para um pôr do sol maravilhoso!

5 – The Diner Bar – jantar com opção vegetariana

Os chefs Kristine Kittrell e Johno Morisano, liderados por Mashama Bailey, trazem uma comida saborosíssima. No entanto, não são veganos.

De ambiente moderninho, Diner bar deve ser reservado para um jantar especial. O restaurante fica a apenas uma quadra da 6th street, a rua das baladas, perfeito para emendar um show ao vivo logo depois.

Achei uma delícia vegetariana, no meio do cardápio sulista inspirado no Texas.

Fui de nhoque de ricota com cenouras assadas (Ricotta gnudi) preparado com amêndoas e rabanete, além de queijo feta.

Nhoque de ricotta com cenoura assada do Diner Bar, em Austin
Créditos: Andrea Miramontes / instagram @ladobviagem
Nhoque de ricotta com cenoura assada do Diner Bar, em Austin

Para acompanhar, couve-de-bruxelas ao alho, que estava sensacional. Como sobremesa, bolo de baunilha com laranja. Você pode ver mais fotos neste link.

6 – Veracruz All Natural – tacos com opção vegana

Especialista em tacos mexicanos, Veracruz all natural é aquele lugar despojadão.

Você faz o pedido, paga e pega no balcão, senta onde quiser e curte um lanche delicioso.

Veracruz All Natural tem tacos e smoothies
Créditos: Andrea Miramontes / instagram @ladobviagem
Veracruz All Natural tem tacos e smoothies

Entre as opções vegetarianas, tacos quesadillas, guacamole, além de vários smoothies para acompanhar.

Provei o vegano “La Ley Smoothie”, com leite de amêndoas, manga, banana, espinafre, pasta de amendoim e proteína de canábis.

Veganos ainda encontram o “El Diferente Taco”, com feijão, batatas, cogumelos, pimenta poblano, uma espécie de pimentão adocicado mexicano, milho e abacate.

Taco vegetariano e smoothie com canábis
Créditos: Andrea Miramontes / instagram @ladobviagem
Taco vegetariano e smoothie com canábis

Está muito bem localizado, ao lado da principal ponte, Congress Av. Bridge, que tem também o famoso mural da mulher maravilha.

7 – 1886 cafe & bakery – opção vegana

Esse café histórico fica no Driskill Hotel, criado em 1856. Esse foi o primeiro hotel de luxo do Texas.

Excelente para um café da manhã leve. Fui de cafe latte com leite de amêndoas e bolw de frutas vermelhas.

Latte com leite de amêndoas e bowl de frutas vermelhas do café mais antigo de Austin
Créditos: Andrea Miramontes / instagram @ladobviagem
Latte com leite de amêndoas e bowl de frutas vermelhas do café mais antigo de Austin

Para mais opções veganas, veja neste link.

Onde ficar em Austin?

Para curtir a cidade , na maior parte a pé ou de bike, como eu fiz, é indispensável estar bem-localizado.

Se o hotel em excelente localização também passar a vibe do destino, melhor ainda.

E é exatamente o que acontece com o Thompson Hotel. Trata-se de uma linha boutique da rede Hyatt.

O hotel fica perto de todos os pontos mais importantes da cidade, cafés badalados e rua das festas, a 6th Street.

Piscina do Thompson Hotel, em Austin
Créditos: Andrea Miramontes / instagram @ladobviagem
Piscina do Thompson Hotel, em Austin

Os quartos amplos e modernos ganham um ar retrô nos detalhes.

Decoração retrô dos quartos do hotel
Créditos: Andrea Miramontes / instagram @ladobviagem
Decoração retrô dos quartos do hotel
Quarto amplo e de acústica isolada do Thompson Hotel
Créditos: Andrea Miramontes / instagram @ladobviagem
Quarto amplo e de acústica isolada do Thompson Hotel

Austin exala essa vibe moderna-retrô com prédios bem-preservados e casas de música, onde, inclusive, há lojas de vinis raros.

Uma delas está ao lado do Thompson, a balada clássica Antone’s.

Antone’s, uma das baladas mais clássicas de Austin fica ao lado do hotel e tem loja de vinis raros
Créditos: Andrea Miramontes / @ladobviagem
Antone’s, uma das baladas mais clássicas de Austin fica ao lado do hotel e tem loja de vinis raros

A vista também é um ponto alto, para o skyline da cidade, que também pode ser curtido da piscina.

O hotel tem ainda fitness center, restaurantes, café, concierge e está a apenas uma quadra da 6th Street, a rua baladeira da cidade.

Apesar de estar ao lado da rua mais festeira da cidade, não se ouve nada de dentro do quarto. Janelas duplas garantem um sono perfeito.

E a apenas 10 minutos de caminhada, chega-se à Congress Bridge, a famosa ponte de onde se vê os morcegos do destino.

Veja também este roteiro com 8 passeios imperdíveis na capital do Texas! Guarde este artigo.

Quem ama museus tem ainda três lugares fantásticos para visitar na capital do Texas.

Para rotas veganas e vegetarianas pelo mundo me siga: @ladobviagem.

ladobviagem

Em parceria com ladobviagem

Sou Andrea Miramontes, jornalista e viajante profissional no @ladobviagem. Faço roteiros veganos e vegetarianos pelo mundo, JAMAIS divulgo atrações que escravizem animais e caço soluções sustentáveis por onde passo. Meus projetos: Lado B Viagem e Patas ao Alto. Seja muito bem-vindo! Siga os instas @ladobviagem @patasaoalto e @andreamiramontes.real

Este conteúdo - assim como as respectivas imagens, vídeos e áudios - é de responsabilidade do usuário Lado B Viagem

A Catraca Livre disponibiliza espaço no site para que qualquer interessado possa contribuir com cidades mais acolhedoras, educadas e criativas, sempre respeitando a diversidade de opiniões.

As informações acima são de responsabilidade do autor e estão sujeitas a alterações sem aviso prévio.