Últimas notícias:

Loading...

Trilhas e passeios ecológicos pra fazer em Bertioga (SP)

Por: Redação
Ouça este conteúdo

A primeira cidade do litoral norte de São Paulo e a mais próxima da capital tem mais que belas praias para oferecer aos visitantes. Diversidade rica, Bertioga tem rios e cachoeiras que encantam os amantes da natureza e do turismo de aventura.

Destacam-se as trilhas do já liberado Parque Estadual da Restinga de Bertioga (PERB). Além do passeio em si, as trilhas dão acesso a atividades como rapel, rafting, trekking, tirolesa, observação de aves, expedições fotográficas -entre outras.

Bertioga
Crédito: Divulgação/PMBTrilhas e passeios ecológicos pra fazer em Bertioga (SP)

Para realizar as atividades, os visitantes devem agendar previamente os passeios com as associações locais. Das 12 trilhas em operação, a do Itaguaré é autoguiada e pode ser feita com ou sem a contratação de monitores. As demais exigem o acompanhamento de profissionais credenciados.

Confira abaixo as principais trilhas e passeios para fazer em Bertioga:

Trilha d’Água

Bertioga
Crédito: Divulgação/Fundação FlorestalTrecho da Trilha d’Água, em Bertioga

#DicaCatraca: sempre lembre de usar a máscara de proteção, andar com álcool em gel, respeitar o distanciamento social e sair de casa somente se necessário! Caso pertença ao grupo de risco ou conviva com alguém que precise de maiores cuidados, evite passeios presenciais. A situação é séria! Vamos nos cuidar para sair desta pandemia o mais rápido possível. Combinado?


Localizada no bairro Mangue Seco, prima pelo caráter educativo. Permite conhecer o processo de mudança da vegetação de Mata Atlântica preservada, passando pelo manguezal, restinga, mata paludosa, de encosta e ombrófila densa. Possui atrativos culturais, como a passagem pela linha do bondinho da Usina Itatinga e a ponte de ferro do Rio Guaxanduva. Acrescente-se a aventura da travessia de barco pelo Rio Itapanhaú, na ida e na volta.

Extensão: 2,7 m
Grau de dificuldade: médio
Duração do passeio: 3h, ida e volta

Trilha da Torre 47

Próxima do centro, a trilha passa pela histórica Ponte da Banana e adentra em uma densa vegetação de Mata Atlântica e restinga. O trajeto passa por um linhão de energia até a torre de transmissão 47. E alcança a cachoeira que leva o mesmo nome da trilha. Lugar é ideal para rapel, trekking, observação de aves, fotografia da natureza e banho de rio.

Extensão: 2,2 km
Grau de dificuldade:: médio
Duração estimada: 4h, ida e volta

Trilha do Vale Verde

Bertioga
Crédito: Divulgação/PMBQueda d’água na Trilha do Vale Verde

De fácil acesso, é excelente para crianças e pessoas da melhor idade. Atravessa áreas de restinga e de proteção ambiental do rio Itapanhaú, até chegar a um grande poço com uma pequena praia. Ideal para esportes náuticos, como boia cross e rafting, atividades de educação ambiental e lazer à beira do rio.

Extensão: 2,5 km
Grau de dificuldade: médio
Tempo estimado: 4h, ida e volta

Trilha da Casa de Pedra do Rio Itapanhaú

Crédito: Raphael Campos/Divulgação/PMBA a histórica Casa de Pedra,

Ao atravessar a pé ou de barco o rio Itapanhaú, encontra-se a histórica Casa de Pedra, com vasta área gramada ao seu redor. É ideal para camping e recreação. Ao lado da encosta da Serra do Mar e das águas claras e mansas do rio Itapanhaú, permite contato direto com a restinga alta e a prática de esportes náuticos, como boia cross, rafting e travessia de barco, além de opções de camping e lazer nas diversas piscinas naturais.

Extensão: 500 metros
Grau de dificuldade: baixo
Tempo estimado: 1h, ida e volta

Trilha do Véu da Noiva

Dá acesso à Cachoeira do Elefante, a maior da região. O percurso começa na Casa de Pedra, passa parte do rio Itapanhaú e leva a prainhas e poções para mergulho. Além da paisagem deslumbrante, é possível praticar atividades como trekking, rafting, canoagem, boia cross, rapel .

Extensão: 1,7 km
Grau de dificuldade: médio
Tempo estimado: 7h, ida e volta

Trilha da Família Pinto

Crédito: Divulgação/PMBTrilha da Família Pinto

É a área de maior incidência de animais de médio e grande porte, como aves e répteis. Ótima para trekking, programas educacionais, fotografia da natureza e observação de aves.

Extensão: 5 km
Grau de dificuldade: médio
Tempo estimado: 6h, ida e volta

Trilha da Garganta do Gigante

Trilha esportiva de alto impacto e exige preparo físico para longos percursos. Passa por trechos alagados e por obstáculos naturais como vales e rios. A Garganta do Gigante fica a 300 metros de altitude. Lugar ideal para esportistas, aventureiros, observadores de aves e fotógrafos de natureza.

Extensão: 18 km
Grau de dificuldade: alto
Tempo estimado: 10h, ida e volta

Trilha Ribeirão dos Monos

Atravessa vegetação densa, rios e lagos. Ideal para esportistas e aventureiros preparados, proporciona muita emoção e paisagens deslumbrantes. Propicia aos visitantes atividades como fotografia da natureza, observação de aves e opção de lazer no Rio Vermelho.

Extensão: 4,6 km
Grau de dificuldade: alto
Tempo estimado: 3h, ida e volta

Trilha do Morro do Itaguá

Crédito: Divulgação/PMBOferece linda vista do mar e das praias de Guaratuba e Boraceia

Famosa pelo treinamento de aeromoças na selva. Ótima para estudo do meio e estudo de costões rochosos. Oferece linda vista do mar e das praias de Guaratuba e Boraceia.

Extensão: 8 km
Grau de dificuldade: alto
Tempo estimado: 10h ida e volta

Trilha do Guaratuba

É a mais visitada do Parque, cercada por riachos, poços, cachoeiras e pequenas praias naturais. O aventureiro pode encontrar grande diversidade de vegetação, como florestas paludosa, de restinga e submontana, além de animais nativos, cores e formas. Ótima para estudos do meio, atividades de educação ambiental, passeio, ciclismo, corridas e muito mais.

Extensão: 4,1 km.
Grau de dificuldade: médio.
Tempo estimado: 6h, ida e volta.

Trilha do Itatinga

Acessível de barco com saída de Bertioga, pelos rios Itapanhaú e Itatinga. Caminho plano, com muita vegetação e rios que formam piscinas naturais. O trajeto dispõe de acampamento e café colonial no fim de tarde, em uma das fazendas da região. É possível se hospedar e vivenciar uma experiência gastronômica inusitada. O visitante pode ainda conhecer diversas trilhas de acesso aos rios e cachoeiras próximas.

Extensão: 3 km
Frau de dificuldade: baixo
Tempo estimado: 7h, ida e volta.

Trilha do Itaguaré

Pode ser autoguiada ou realizada com serviços de monitores. É composta de três trilhas – uma no acesso principal à praia, e outras duas se ramificam no decorrer da praia, com acesso à restinga, ao jundu e ao mangue. Ali já foram gravados diversos filmes e séries, além de ser a praia mais utilizada para estudos de campo de escolas e universidades.

Extensão: 1.140 metros.
Grau de dificuldade: médio.
Tempo estimado: 3h ida e volta.

Compartilhe: