9 rolês quentinhos em São Paulo


Cidade

Publicidade

Se você sequer pensar em completar o título da matéria com “minha casa, debaixo do meu cobertor”, este post se autodestruirá em cinco segundos e, junto com ele, seu celular ou computador implodirão! Recado dado!

Uma das maiores falácias da humanidade é achar que no frio não dá para sair de casa. Não em São Paulo bebê, a cidade mais rolezística da América Latina! Para provar este ponto, segue uma lista com alguns lugares quentinhos da cidade para você curtir um show, uma festinha e comer fora, sem ficar tremelicando. Joga esse cobertor pra longe e vai!

Música

O Jazz nos Fundos mudou de endereço mas ainda está pertinho do antigo, e agora ocupa o Centro Cultural da Música Instrumental, que conta com duas salas para apresentações: a JazznosFundos e a Sala do Autor. Dessa maneira, acontecem dois shows – sempre de música instrumental e jazz – em horários alternados, de forma que o público possa escolher o som que mais lhe interessar. A primeira sala segue os moldes da casa antiga, com miniplateia, mesas e bar; já a outra privilegia apresentações silenciosas e contemplativas.

O que dizer de um lugar que tem lareira, né, minha gente? Além de poder se esquentar em volta do fogo, a boa é aproveitar a programação na sempre muito quentinha Comedoria, que conta com uma seleção de shows, ó: maravilhosos!

Lareira do Sesc Pompeia

Fervo

A NossaCasa abre basicamente de segunda a segunda sempre com as festas mais animadas da Vila Madalena e redondezas. Quase sempre é de graça para entrar e a pixxxtinha esquenta de um jeito que você nem vai lembrar que está em pleno inverno – risos.

Só amor na NossaCasa

  • Bebo Sim
    Avenida Professor Alfonso Bovero, 1107 – Vila Pompeia
    R$ 0 ~ R$ 15 

Um corredor do amor que começa com cara de bar e termina com muita música brasileira e gente dançando até se acabar. Terças e quartas são ótimos dias para se esquentar na casa, caso você for um bon vivant.

Dançando um forrozinho no Bebo Sim, é impossível não esquentar!

  • Pratododia
    Rua Barra Funda, 34 – Barra Funda
    R$ 10 ~ R$ 15 

A casa noturna que te faz tirar o casaco que você mais respeita. Ô som bom da porra! Os DJs que tocam no Prato sempre botam uma sonzeira soul, funk e R&B, em outras noites reggae, dub ou ainda as famigeradas brasilidades. Sucesso total – e calor.

Olha essa pistinha de meudeus!

Para comer

Um ambiente bem simples e honesto localizado num bairro consideravelmente caro para comer. O Mussashino serve um temaki inigualável com “mato” (couve frita) e bastante recheio, sempre com peixe fresco (a meros R$ 16). Oferece banchá, te faz sentir em casa, e tem um ambiente bem quentinho.

Um noodle bar enxuto e aconchegante, ideal para ir em pequenos grupos saborear pratos super tradicionais da culinária japonesa. O lugar serve bun, pratos elaborados com carne de porco e outras delícias, mas o destaque vai para os fumegantes lamens, as guiozas e os drinks. Tudo pra te deixar beeeem quentinho!

(barulho de estômago roncando só de ver a foto)

Tradição total na Liberty! Comida boa e barata: se pedir um lámen, um guioza e um refrigerante, sua conta dará por volta de R$ 30. A má noticia é para os vegetarianos: só servem lámen de porco e frango. Para aproveitar o restaurante, é bom chegar até às 21h, horário limite para colocar nome na espera.

Alguém aí falou pastel de Belém e queijadinha? É muita tradição para um lugar só! Inaugurado em 1850, mantém a receita em segredo e fiel à tradicional da Idade Média, que não levava açúcar, mas mel, nem a canela que só viria a ser introduzida na culinária em Portugal a partir do séc. XVI, com os descobrimentos portugueses. De dar água na boca!

Casa Mathilde e seus doces <3

Mais SP:

Publicidade

Compartilhe:

Autor: Por: Redação
Publicidade

Museu de Anatomia Humana da USP exibe peças que ensina como o seu corpo funciona

Cereja Flor: O lugar das taças de sorvetes gigantes em São Paulo

Fondue taiwanês é a próxima delícia que você tem de provar

Médica tira dúvidas sobre anticoncepcional

Refugiados se tornaram microempreendedores em um lava-rápido em São Paulo

Publicidade