Cultura do surf invade avenida Paulista no ‘Festivalma 2019’

Mostra GRÁTIS no Centro Cultural Fiesp tem shows de Bixiga 70, Nomade Orquestra, Black Alien e Cynthia Luz, além de cinema e artes visuais

Por: Redação

Até 03 de fevereiro de 2019

Terça - Quarta - Quinta - Sexta - Sábado - Domingo

Em diversos horários. Visitação da XIII Mostra Internacional de Arte e Cultura Surf: de terça a sábado, das 10h às 22h; e aos domingos, das 10h às 20h.

Grátis

Com esse carlorzão gostoso e a 13ª edição da mostra Festivalma, a avenida Paulista vai literalmente virar a praia dos paulistanos neste verão. O maior festival de cultura surf do país invade o Centro Cultural Fiesp entre 25 de janeiro e 3 de fevereiro, com uma programação GRÁTIS de cinema, música e artes visuais.

Para agitar o povo lindo de SP, que é considerada a cidade sem praia com maior número de surfistas do mundo, um palco montado de frente para a avenida Paulista tem shows no feriadão do dia 25 de Nomade Orquestra (às 13h) e Black Alien (às 16h); e no domingão, dia 27, de Bixiga 70 (às 13h) e Cynthia Luz (às 16h).

A principal atração do festival é a Mostra Internacional de Arte e Cultura do Surf, com curadoria de Romeu Andreatta, Fernando Costa Netto e Reinaldo Andraus, que exibe 50 obras e fotografias desse gênero no primeiro andar do prédio da Fiesp. Já a galeria digital, no telão de led na fachada do edifício, recebe projeções do Studio Curva.

Outro destaque são 100 pranchas de diferentes épocas, expostas na galeria do espaço, que contam a história e a evolução do surf no mundo. São peças ilustradas e coloridas, com diferentes tamanhos e formatos.

Uma novidade do festival é uma mostra de cinema pensada para prestigiar diretores, cinegrafistas e editores brasileiros que se dedicaram a retratar essa cultura. Dez vídeos selecionados são exibidos na entrada do centro cultural e competem pelo prêmio de R$2500. As sessões acontecem em todos os dias do evento às 16h e às 19h.

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.