IMS celebra 465 anos de SP com tributo a Adoniran Barbosa

Show apresenta músicas inéditas de Adoniran Barbosa; na foto, o Conjunto João Rubinato apresentando show em homenagem a Adoniran, no Theatro Municipal
25
de janeiro 2019
Show Adoniran em Partitura: 12 canções inéditas: às 16h
Projeção: das 10h às 20h

Centro cultural

site: ims.com.br

email: imspaulista@ims.com.br

telefone: (11) 2842-9120

facebook: www.facebook.com

Projeção com imagens da capital também está em cartaz no centro cultural

O IMS Paulista vai comemorar o aniversário de São Paulo em grande estilo! São duas atividades que vão fazer o feriadão render ali pela região da Avenida Paulista, entre eles um show com músicas inéditas do Adoniran Barbosa, ícone do samba paulistano. Toda a programação é gratuita.

adoniran barbosa tomando algo em um bar
Adoniran Barbosa ganha homenagem com show de inéditas no IMS Paulista

O show “Adoniran em Partitura: 12 canções inéditas” acontece às 16h, no térreo do centro cultural. O Conjunto João Rubinato toca canções inéditas de Adoniran Barbosa, sambista que eternizou São Paulo em suas letras, retratando o cotidiano dos excluídos da cidade. Nunca gravadas antes, as músicas, que datam entre 1935 e 1970, foram compiladas pelo grupo a partir de um longo processo de pesquisa. Além das faixas inéditas, o grupo apresenta também clássicos do compositor como “Saudosa Maloca”, “Despejo na Favela” e “Trem das Onze”.

O show conta com a presença do sobrinho de Adoniran, Sergio Rubinato, e dos músicos Eduardo Gudin, amigo e parceiro do compositor, e Toinho Melodia, sambista da velha guarda de São Paulo.

Show em homenagem a Adoniran Barbosa no Theatro Municipal de São Paulo, em que o Conjunto João Rubinato teve a honra de acompanhar os mais diversos artistas e ainda apresentou três músicas do seu álbum "Adoniran em Partitura: 12 canções inéditas"
Crédito: Merylin EsposiShow apresenta músicas inéditas de Adoniran Barbosa; na foto, o Conjunto João Rubinato apresentando show em homenagem a Adoniran, no Theatro Municipal

Além disso, rola pelo IMS a projeção São Paulo: três ensaios visuais, em cartaz no Estúdio do IMS Paulista. O vídeo, que tem duração de aproximadamente 20 minutos, resgata os personagens da cidade, com fotografias feitas a partir de 1862, como as de Militão Augusto de Azevedo, passando pelo século XX, com imagens como as de Alice Brill, até chegar ao século XXI e às fotos de Mauro Restiffe, entre outros. A curadoria é de Guilherme Wisnik.

Palacete Martinelli
Crédito: DivulgaçãoPalacete Martinelli aparece durante as projeções “São Paulo: três ensaios visuais”

A mostra também acompanha as grandes transformações que a cidade sofreu. Em 100 anos, deixou de ser um vilarejo para estar entre as grandes metrópoles do mundo. Na projeção, há trabalhos do acervo do IMS, como Vincenzo Pastore, Hildegard Rosenthal e Thomaz Farkas, e outros como de Cássio Vasconcellos, Cristiano Mascaro, Tuca Vieira, Tatewaki Nio, entre outros. É possível assistir a projeção até o dia 28 de abril, de terça a domingo e feriados (exceto segunda), das 10h às 20h. Nas quintas, até as 22h.

Compartilhe:

Autor: Por: Redação