Imagem do Topo

Noitão Caixa Belas Artes realiza Maratona do Medo até o amanhecer

Os títulos escolhidos para esta edição são "Suspíria: A dança do medo", "Cisne Negro", "A Bruxa" e um filme surpresa

Por: Redação | Comunicar erro

A edição de março do tradicionalíssimo Noitão da Caixa Belas Artes apresenta o inédito “Suspiria: A Dança do Medo“, remake do cult de 1977 dirigido pelo mestre italiano do terror Dario Argento. A programação, que vai madrugada adentro, inclui ainda “Cisne Negro” (2010), de Darren Aronofsky, “A Bruxa” (2015), de Robert Eggers, e mais um filme-surpresa.

cena do filme “Suspíria: A Dança do Medo”, na qual mulheres fazem coreografia
Crédito: reprodução“Suspíria: A Dança do Medo” é um dos destaques do Noitão de março

Nesta nova versão de “Suspíria”, Luca Guadagnino, indicado ao Oscar por “Me Chame Pelo Seu Nome”, realizou um thriller psicológico sobre uma jovem dançarina americana, Susie Bannion, que chega em Berlim dos anos 70 para participar da audição da Helena Markis Dance Company. Quando ela assume o papel de dançarina principal, Olga, a antiga liderança do grupo, tem um surto e acusa as diretoras da companhia de serem bruxas. Susie e Madame Blanc, coreógrafa reconhecida, se aproximam muito, sugerindo que o propósito de Susie na companhia vai além da dança. Enquanto isso, um psicoterapeuta tenta descobrir os segredos obscuros da companhia com a ajuda de outra dançarina, que prova as profundezas do estúdio, onde descobertas terríveis a esperam.

Seguindo no universo da dança, da competitividade e da bruxaria, a maratona terá mais três filmes com tramas intrigantes e sombrias. Um deles é “Cisne Negro”, de Darren Aronofsky, estrelado por Natalie Portman (vencedora do Oscar) e Mila Kunis, que conta uma história de obsessão e rivalidade entre as duas bailarinas durante o processo de criação e ensaios para o espetáculo “O Lago dos Cisnes”.

cena do filme “Cisne Negro”, na qual aparece a atriz Natalie Portman
Crédito: reprodução“Cisne Negro”, de Darren Aronofsky

Outro filme escolhido é “A Bruxa” (2015), vencedor de mais de 40 prêmios internacionais, ambientado numa fazenda no século 17, onde uma histeria religiosa toma conta de uma família que acusa a filha mais velha pelo desaparecimento do seu irmão ainda bebê. Protagonizada pela jovem e expressiva Anya Taylor-Joy, a garota que sobrevive ao encarceramento do maluco interpretado por James McAvoy em “Fragmentado” (2016), e reaparece em “Vidro” (2019), ambos dirigidos por M. Night Shyamalan.

cena do filme "a bruxa", na qual aparece uma garota na floresta
Crédito: reprodução“A Bruxa”, de Robert Eggers

Para completar , na última sessão é exibido um filme-surpresa para fechar com chave de ouro esta maratona de grandes emoções.

Confira a programação:

Sala 1
23h30 – Suspíria: A dança do medo (termina às 2h)
Intervalo 30 min
2h30 – Cisne Negro (termina às 4h20)
Intervalo 20 min
4h40 – FILME SURPRESA (termina às 6h20)

Sala 2
23h40 – Suspíria: A dança do medo (termina às 2h10)
Intervalo 30 min
2h40 – A Bruxa (termina às 4h10)
Intervalo 20 min
4h30 – FILME SURPRESA – (termina às 6h10)

O Noitão acontece na Caixa Belas Artes no dia 22 de março, com início às 22h30 e término às 6h30 da manhã. Os ingressos para o Noitão custam até R$ 36 e podem ser comprados pela internet.