Bixiga de Adoniran Barbosa tem passeios para todos os gostos

Escadaria do Jazz acontece sempre uma vez por mês, aos sábados
Até
31
de agosto 2018
Domingo - Segunda - Terça - Quarta - Quinta - Sexta - Sábado
diversos horários
array(3) { ["address"]=> string(22) "São Paulo, SP, Brasil" ["lat"]=> string(11) "-23.5505199" ["lng"]=> string(18) "-46.63330940000003" }

Diversos locais em São Paulo

São Paulo, SP, Brasil

Cidade

Música, feira de antiguidades, teatro, museu e muito mais! Confira o que o bairro mais italiano de São Paulo tem a oferecer

Escadaria do Bixiga cheia de gente
Crédito: reprodução - Facebook (@escadariadojazz)Escadaria do Jazz acontece sempre uma vez por mês, aos sábados

Considerado um dos bairros mais tradicionais da cidade, o Bixiga tem mil encantos muitas vezes escondidos em suas ruas simpáticas. Eternizada na música do saudoso sambista Adoniran Barbosa (1910-1982), a região abriga um poderoso circuito cultural, reflexo de sua forte tradição gastronômica, teatral e musical.

O bairro foi fundado por imigrantes italianos em 1878, quando Antônio José Leite Braga, o antigo proprietário daquelas terras decidiu lotear parte do terreno. Como ele tinha cicatrizes no rosto provocadas pela varíola, doença antigamente conhecida por bexiga, seu apelido era Antonio Bexiga, uma provável explicação para o nome da região.

O loteamento foi inaugurado no dia 1º de outubro daquele ano, com a presença do imperador Dom Pedro II. Os principais interessados em comprar os pedaços de terra eram os refugiados que chegavam da Itália, sobretudo da região da Calábria, e não tinham interesse em trabalhar nos latifúndios de café no interior do estado.

Agora que você já sabe um pouquinho da história do Bixiga, bora explorar a terra de Adoniran?

  • 1. A Espetácular Charanga do França no Mundo Pensante

    Crédito: divulgaçãoLegenda: A Espetacular Charanga do França faz show no dia 10 de agosto no Mundo Pensante

    A Espetacular Charanga do França
    Mundo Pensante – Rua Treze de Maio, 830, Bela Vista
    10 de agosto a partir das 23h
    R$15 (lote promocional), R$20 (lote 1) e R$30 (na porta)
    Venda pela internet aqui.

    O clima de Carnaval invade o Mundo Pensante no dia 10 de agosto com o show d’A Espetacular Charanga do França, que nasceu em 2013 com a proposta de criar releituras das tradicionais charangas brasileiras.  A banda tem influências do jazz e dos vários ritmos populares.

  • 2. BNegão Trio no Mundo Pensante

    Crédito: Felipe DinizLegenda: BNegão Trio se apresenta no Mundo Pensante no dia 24 de agosto

    BNegão Trio
    Mundo Pensante – Rua Treze de Maio, 830, Bela Vista
    24 de agosto a partir das 23h
    R$25 (lote 1) e R$30 (lote 2)
    Venda pela internet aqui.

    Afrofuturismo digital é o novo conceito trazido pelo projeto BNegão Trio, que une três vozes, um instrumento de sopro e um par de toca discos. Além do consagrado rapper carioca BNegão, o trio é formado pelo trompetista Pedro Selector e o DJ Castro. O repertório do show tem cações como “Funk Até o Caroço”, “Essa é Pra Tocar no Baile”, “Vamo!”, “A Verdadeira Dança do Patinho” e ” Sorriso Aberto”.

  • 3. Filipe Catto no Mundo Pensante

    Crédito: reprodução - Facebook (@filipecatto)Legenda: Filipe Catto faz show no Mundo Pensante, no dia 30 de agosto

    Filipe Catto
    Mundo Pensante – Rua Treze de Maio, 830, Bela Vista
    30 de agosto a partir das 20h
    R$25 (antecipado) e R$30 (na porta)
    Venda pela internet aqui.

    No show da turnê “O Nascimento de Vênus”, Filipe Catto apresenta aos fãs as canções de seu último disco de estúdio, “CATTO”, como “Lua Deserta”, “Como um Raio”, “Faz Parar”, “Eu Não Quero Mais”, “Só Por Ti”, “Um Nota Um” e “Arco Luz”. Ele também relembra sucessos anteriores como “Adoração”, “Depois de Amanhã” e “Do Fundo do Coração”.

    O cantor sobe ao palco ao lado de Felipe Puperi (guitarra, teclados e programações), Michelle Abu (bateria e percussões) e Fábio Sá (baixo e synths).

     

  • 4. Escadaria do Jazz recebe Diego Beirão

    Crédito: reprodução - Facebook (@escadariadojazz)Legenda: Escadaria do Jazz acontece sempre uma vez por mês, aos sábados

    Escadaria do Jazz recebe Diego Beirão
    Escadaria do Bixiga – entre as ruas Treze de Maio e o Morro dos Ingleses
    11 de agosto, das 14h às 20h
    Grátis

    Um sábado por mês, a escadaria que liga a rua Treze de Maio ao Morro dos Ingleses recebe o projeto Escadaria do Jazz, que convida artistas talentosos do blues e do jazz para apresentar ao público seus trabalhos. Nesta edição, o convidado é o guitarrista Diego Beirão, que interpreta sucessos de Tom Jobim, Milton Nascimento e outros artistas brasileiros e estrangeiros. Ele é acompanhado pelo baixista Renato Leite e pelo baterista Pablo Marchatto.

     

     

  • 5. Feira de Antiguidades do Bixiga

    Crédito: reprodução - Facebook (@feiradobixigaoficial)Legenda: A Feira de Antiguidades do Bixiga acontece todos os domingos

    Feira de Antiguidades do Bixiga
    Praça Don Orione, SN, Bela Vista
    Todos os domingos, das 9h às 18h
    Grátis

    Desde 1984, a praça Don Orione recebe todos os domingos a Feira de Antiguidades, com cerca de 200 expositores, que vendem roupas, móveis de época, lustres, revistas, brinquedos, artigos de decoração, chapéus, assessórios, arte, livros, prataria e tudo o que você conseguir imaginar. O visitante também encontra barraquinhas de comida, como os tradicionais canolis italianos.

    Quase um patrimônio da cidade de São Paulo, a feira pode ser comparada a outros eventos mundialmente conhecidos como o Mercado das Pulgas de Paris, na França; a Feira de Santelmo de Buenos Aires, na Argentina; e até o bairro de Camden Town em Londres, na Inglaterra.

  • 6. 'A Visita da Velha Senhora' no Teatro Sérgio Cardoso

    Crédito: Cacá Bernardes - divulgaçãoLegenda: Com Denise Fraga, 'A Visita da Velha Senhora' é um dos destaques do teatro de São Paulo em setembro

    “A Visita da Velha Senhora”, da NIA Teatro, com Denise Fraga
    3 de agosto a 30 de setembro
    Às sextas, às 21h; aos sábados, às 17h e às 21h; e aos domingos, às 18h
    Duração: 120 minutos | Classificação: 14 anos
    Teatro Sérgio Cardoso – Rua Rui Barbosa, 153, Bela Vista
    Ingressos: de R$30 a R$80

    Os cidadãos de Güllen, uma cidade arruinada, esperam ansiosos a chegada da milionária que prometeu salvá-los da falência. No jantar de boas-vindas, Claire Zachanassian impõe uma condição: doará um bilhão à cidade se alguém matar Alfred Krank, o homem por quem foi apaixonada na juventude e que a abandonou grávida por um casamento de interesse. Ouve-se um clamor de indignação e todos rejeitam a absurda proposta. Claire, então, decide esperar, hospedando-se com seu séquito no hotel da cidade.

    Direção: Luiz Villaça
    Elenco: Denise Fraga, Tuca Andrada, Fábio Herford, Romis Ferreira, Eduardo Estrela, Maristela Chelala, Renato Caldas, Beto Matos, David Taiyu, Luiz Ramalho, Fernando Neves, Fábio Nassar e Rafael Faustino

     

  • 7. 'A Ira de Narciso' no Teatro Sérgio Cardoso

    Crédito: Marcelo Almeida - divulgaçãoLegenda: Com direção de Yara de Novaes, "A Ira de Narciso" é uma adaptação do espetáculo autobiográfico do diretor franco-uruguaio Sergio Blanco

    “A Ira de Narciso”, de Sergio Blanco, com direção de Yara de Novaes
    Teatro Sérgio Cardoso – Rua Rui Barbosa, 153, Bela Vista
    4 a 19 de agosto
    Às sextas e aos sábados, às 19h, e aos domingos, às 20h
    Ingressos: de R$50 (inteira) e R$25 (meia-entrada)
    Duração: 100 minutos. Classificação: 18 anos

    Seguindo a estética da autoficção do franco-uruguaio Sergio Blanco, o monólogo relata a estadia do dramaturgo na cidade de Ljubljana, onde dará uma palestra sobre o Mito de Narciso. Enquanto se prepara para essa conferência, o autor recebe na suíte 228 do hotel um jovem amante esloveno. Ele também descobre uma mancha de sangue no carpete, que lentamente revela os detalhes macabros de um crime.

    Texto: Sergio Blanco
    Direção: Yara de Novaes
    Idealização e Tradução: Celso Curi
    Atuação: Gilberto Gawronski

     

  • 8. 'Insones' no Teatro Sérgio Cardoso

    Crédito: Érica ModestoLegenda: "Insones" mostra quatro amigos que ficam um ano sem dormir

    “Insones”, com texto de Victor Nóvoa e direção de Kiko Marques
    Teatro Sérgio Cardoso – Rua Rui Barbosa, 153, Bela Vista
    até 23 de agosto, às quartas e quintas, às 20h
    Ingressos: R$ 20 (inteira), R$ 10 (meia-entrada) e R$ 5 (moradores do Bixiga)
    Classificação: 14 anos. Duração: 55 minutos.

    Na peça, quatro figuras passaram 365 noites em claro e tentam incessantemente finalizar a contagem regressiva para o ano que virá. A comemoração é constantemente interrompida por acontecimentos insólitos, revelando relações humanas descartáveis e violentas. A história se mantém por um fio tênue, porém mais importante que a trama são os estados gerados por esse mundo em funcionamento contínuo no qual habitam os personagens. Essas figuras fazem emergir questões fundamentais em nossos dias, como o excesso de estímulos e o crescente controle do tempo e da experiência.

    Direção: Kiko Marques.
    Dramaturgia: Victor Nóvoa.
    Elenco: Fernanda Raquel, Helena Cardoso, Paulo Arcuri e Vinicius Meloni.

  • 9. 5ª Mostra Experimental de Dança no Teatro Sérgio Cardoso

    Crédito: reprodução - Facebook (@projetonucleoluz)Legenda: Com 10 anos de trajetória, o Núcleo Luz realiza sua 5ª Mostra Experimental de Dança no Teatro Sérgio Cardoso

    5ª Mostra Experimental de Dança Núcleo Luz
    Teatro Sérgio Cardoso – Rua Rui Barbosa, 153, Bela Vista
    30 e 31 de agosto, às 19h30
    Grátis, com distribuição de ingressos uma hora antes das apresentações
    Duração: 60 minutos. Classificação: livre

    Na quinta edição da mostra, os alunos do Núcleo Luz apresentam os trabalhos autorais que desenvolveram como atividade de conclusão de curso, sob orientação de Chris Belluomini. São solos, duos, trios e quartetos que discutem por meio do corpo ideias e poéticas sobre diferentes assuntos. Criado em 2017, o Núcleo Luz é um projeto artístico-pedagógico que oferece a jovens de baixa renda a oportunidade de vivenciar a dança de forma mais aprofundada.

  • 10. MUMBI - Museu Memória do Bixiga

    Crédito: Davi Moreno - Facebook (@museudobixiga)Legenda: Museu da Memória do Bixiga foi reinaugurado em 2017, mas só tem aberto para visitas agendadas

    MUMBI – Museu Memória do Bixiga
    Rua dos Ingleses, 118, Bela Vista
    Abre para visitação com horário marcado.
    Agende sua visita pelo e-mail contato@mumbi.org.br.
    Entrada no esquema “pague quanto puder”

    Inaugurado em 1981 por Armando Puglisi (1931-1994), o Museu Memória do Bixiga tem o objetivo de preservar a história do bairro e dos moradores. Com a ajuda do fotógrafo Paulo Santiago, o fundador reuniu recortes de jornais, fotos, relatos de história oral e objetos pessoais dos moradores. O acervo pode ser manuseado pelo público.

    Com a morte de Puglisi e sem recursos financeiros, o espaço ficou fechado em 2000. Em 2017, graças a um grupo de moradores e admiradores do bairro, o museu foi reaberto e agora luta pela restauração de seu acervo.

  • 11. Museu dos Óculos Gioconda Giannini

    Crédito: reprodução - Facebook (@museudooculos)Legenda: Museu dos Óculos Gioconda Giannini expõe mais de 300 peças de diferentes épocas

    Museu dos Óculos Gioconda Giannini
    Rua dos Ingleses, 108 – Bela Vista
    Entrada gratuita
    Visitação: de segunda a Sexta, 9h às 18h, aos sábados, 9h às 13h

    Situado em um casarão da década de 1920, o Museu dos Óculos foi fundado em 1966 por Gioconda Giannini, um esteta ótico que já moldou a expressão de muita gente famosa, como o ex-presidente Luís Inácio Lula da Silva e os apresentadores Boris Casoy, Ana Maria Braga e Carlos Tramontina. Na casa existe um acervo com mais de 700 peças – aproximadamente 300 delas ficam expostas. Entre os óculos estão algumas raridades, como uma peça chinesa original do século 18 e réplicas em madeira do século 13.

    Os visitantes também encontraram óculos que foram usados por Elis Regina, Hebe Camargo, José Wilker e outras celebridades, além de documentos, imagens, livros e aparelhos médicos antigos.

  • 12. Casa Jardim Secreto

    Crédito: reprodução - Facebook (@casajardimsecreto)Legenda: A Casa Jardim Secreto surgiu em 2017, quando 50 marcas que expunham na feira resolveram procurar um espaço fixo

    Casa Jardim Secreto – Rua Conselheiro Carrão, 374, Bixiga
    Funcionamento: de terça a domingo, das 10h às 18h
    Grátis

    A Casa Jardim Secreto é a sede de uma feira de artesanatos, moda, design e vários outros produtos hipsters que acontece desde 2013. O evento deixou de ser itinerante em 2017, quando cerca de 50 marcas abriram um financiamento coletivo para inaugurar o espaço. Além dos produtos, o visitante pode consumir comidinhas e bebidas no local. Periodicamente, a casa realiza bazares temáticos, oficinas, encontros de produtores artesanais, entre outros tipos de eventos.

MUMBI: o museu do Bixiga que merece o amor dos paulistanos

Compartilhe:

Autor: Agência Fática

A Fática é uma agência de comunicação especializada em cultura em suas várias linguagens.