19 lugares sagrados incríveis pelo mundo

Por: Redação | Comunicar erro

Clique na foto para ver mais de Shwedagon Pagoda[/img]

Este impressionante templo-castelo é, de acordo com muitos viajantes, uma das grandes maravilhas do mundo. O Shwedagon Pagoda está situado 100 metros acima da cidade de Rangoon. Famoso por conservar as relíquias de Buda, o Pagoda é atração indispensável para turistas de todas as religiões. Recomenda-se fazer a visita à noite para encontrar o templo todo iluminado.

Templo de Lótus – Índia

Na capital Nova Deli, o lema não é exatamente “paz e tranquilidade”, mas isso você pode encontrar no mítico Templo de Lótus, um dos principais pontos turísticos da capital indiana. A Casa de Adoração Bahá’í é um imponente refúgio espiritual. Construído por um arquiteto iraniano em 1980, o templo em forma de flor de lótus está rodeado de enormes jardins. O interior do templo é dedicado exclusivamente à meditação.

Capela St. Michel d’Aiguilhe – França

No sul da França, palco de um cenário romântico, charmoso e encantador, as igrejas são uma beleza à parte. No entanto, nenhum é tão deslumbrante como a “chapelle de Saint-Michel d’Aiguilhe”. A capela foi construída no topo de uma rocha vulcânica e tem mais de 200 degraus que separam o chão do solo da capela. As vistas para a vila de Le Puy-en-Velay são simplesmente extraordinárias.

Santa Sofia – Turquia

A Basílica Santa Sofia, também conhecida como Hagia Sophia, dispensa comentários. É um dos lugares mais antigos e influentes da arquitetura mundial. Construída durante o Império Bizantino com a intenção de ser a catedral de Constantinopla, é famosa por sua estrutura colossal e suas imponentes cúpulas, além de seus mosaicos bizantinos. Visitantes de todo o mundo, independente da cultura e religião, marcam presença todos os dias para contemplar a grande basílica Santa Sophia.

Santuário Meiji – Japão

Situado na capital japonesa, o Santuário de Meiji é um templo dedicado ao espírito do primeiro imperador do Japão moderno, Meiji. O santuário é regido pela espiritualidade xintoísta. Embora esteja rodeado de edifícios imensos e altíssimos arranha-céus modernos, o Santuário Meiji está em uma área de aproximadamente 150 hectares de árvores e é um dos santuários favoritos dos moradores de Tóquio, tanto para meditação como para celebração de casamentos tradicionais. A tranquilidade do ambiente impressiona.

Templos de Abu Simbel – Egito

É um complexo arqueológico constituído por dois templos, Ramsés II e Nefertari, esculpidos na rocha. O interior impressiona por suas colunas altas e revestidas com hieróglifos antiguíssimos. Os Templos de Abu Simbel estão perto da fronteira com o Sudão e foram construídos pelo faraó Ramsés II há mais de 3.000 anos. As estruturas magníficas e gigantescas dos templos são mundialmente famosas. Sem dúvida, é um dos lugares mais fantásticos do mundo.

Ghats de Varanasi – Índia

Varanasi é uma cidade sagrada na Índia, famosa por suas ghats, que são espaços de terraço aberto às margens do rio, onde os fiéis praticam rituais como o do banho: se lavam e meditam. Às vezes os rituais incluem até cremações. Viajantes de todo o mundo descrevem como poderoso e altamente místico. Um passeio de barco para ver os “ghats” durante a noite é inesquecível.

Cavernas Batu – Malásia

No norte de Kuala Lumpur, as cavernas Batu formam um complexo composto por enormes cavernas de calcário. É um dos mais surpreendentes santuários da Ásia e de todo o mundo. Logo na frente do santuário, já se tem ideia da majestosidade do lugar, com uma estátua de mais de 40 metros de altura, representando a divindade hindu Murugah. É importante mencionar também os inúmeros macaquinhos que habitam o local, sempre preparados para tomar posse do lanche dos visitantes mais desavisados.

Basílica de San Vitale – Itália

A Itália é reduto das igrejas mais bonitas da Europa e a basílica San Vitale está entre as mais importantes para os cristãos. É Patrimônio Mundial da Unesco e uma visita a esta belíssima igreja não pode faltar no roteiro turístico de quem visita a Itália, principalmente para os amantes da arte e da arquitetura. Os coloridos mosaicos do tempo imperial deslumbram qualquer visitante.

Sinagoga Espanhola – República Checa

Praga é uma cidade onde a raiz judaica é bastante presente, com uma das mais belas sinagogas da Europa. A Sinagoga Espanhola é um desses espaços onde você pode passar horas admirando suas formas, seu estilo e suas pinturas, que cobrem cada centímetro do interior do edifício. Não deixa de ser um monumento histórico e é um ponto turístico indispensável para quem visita Praga.

Boudhanath – Nepal

Próximo a Kathmandu, Boudhanath é um dos maiores e mais importantes destinos de peregrinação para os budistas tibetanos. No topo, encontramos o desenho de quatro pares de olhos rodeado de bandeirolas que assistem a tudo.

Angkor Wat – Camboja

O Angkor Wat é considerado a maior estrutura religiosa já construída e um dos tesouros arqueológicos mais importantes do planeta. Visitá-lo é conhecer templos de 900 anos, com enormes retratos esculpidos nas pedras. Um lugar emocionante e que deve estar na lista de pontos para conhecer.

Igreja de São Jorge – Etiópia

Também conhecida como “Aposta Giyorgis” ou “Igreja de St. George”, foi talhada, literalmente, no meio do solo rochoso de Lalibela, na Etiópia, no século 12. A Igreja de São Jorge é Patrimônio Cultural da Humanidade e conta com 11 igrejas e um mosteiro, além de inúmeros túmulos. Os viajantes podem explorar este original lugar sagrado por meio de túneis sinuosos e de passagens a dezenas de metros abaixo do nível da superfície.

Meteora – Grécia

Um dos maiores mosteiros do Cristianismo Oriental está nas alturas, em Meteora, que significa “meio do céu”. É um dos mais importantes templos, contando com seis mosteiros construídos sobre montanhas de rocha de arenito para lá de altas, com 305 metros de altura, não sendo recomendado para quem sofre de vertigem. No entanto, a vista do alto é fantástica.

Mosteiro Thikse – Índia

Pouco turístico, o Mosteiro Thiksenão, no Vale do Rio Indo, é espetacular. Para os que já têm experiência explorando o planalto tibetano, é interessante descobrir as belezas da região do Mosteiro Thikse. O local proporciona uma visão inspiradora e também tentadora, perfeita para um refúgio espiritual.

Mosteiro de Taktsang – Butão

O complexo de Taktsang (Tiger’s Nest), que significa “ninho do tigre”, foi construído no ano de 1692. É vizinho da caverna de Taktsang Senge Samdup, que está a 3.120 metros de altura. Diz-se que era o lugar de meditação preferido do santo Padmasambhava. O mosteiro é formado por sete templos abertos ao público.

Borobudur – Indonésia

Maior monumento budista do mundo, o Borobudur fica na Indonésia e foi construído para ser templo hindu no século 8. Atualmente, Borobudur é uma maravilha da arquitetura budista e a atração mais visitada da Indonésia. É um lugar decorado com imagens de Budas e situado nas alturas, equivalente a sete andares.

Tiger Cave Temple – Tailândia

Muitos viajantes que vão a Krabi, na Tailândia, aproveitam para curtir sol e praia, sem se dar conta que a área é berço de um dos pontos religiosos mais impressionantes do mundo: o Cave Temple Tiger. A primeira coisa que impressiona são os 1.200 degraus que conduzem o visitante até a caverna onde viviam alguns monges e onde, até hoje, mora uma colônia de macacos enorme.

Catedral de Sal de Zipaquirá – Colômbia

A catedral de Zipaquirá foi construída dentro de uma mina de sal, daí o seu nome. Este santuário católico homenageia a Via Crucis de Jesus Cristo e, sem dúvida, é uma das mais originais da Colômbia e do mundo. A catedral está entre as imensas galerias de uma velha mina de sal decorada com luzes que dão um toque misterioso e único às várias capelas.

Compartilhe:

1 / 0