Últimas notícias:

Loading...

Pretas Cervejeiras e Ambev lançam treinamento para mulheres negras

A iniciativa oferece treinamento exclusivo e direcionado a mulheres negras que buscam entrada no ecossistema cervejeiro

Por: Redação
Ouça este conteúdo

Com o objetivo de ampliar a inserção da mulher negra no universo cervejeiro e fomentar o diálogo por mais inclusão no setor, o coletivo Pretas Cervejeiras e a Academia da Cerveja lançam neste sábado um programa de treinamento exclusivo e gratuito para mulheres negras de todo o Brasil.

A iniciativa oferece treinamento exclusivo e direcionado a mulheres negras que buscam entrada no ecossistema cervejeiro.

“Ao longo dos três anos de existência do projeto Pretas Cervejeiras, formamos uma comunidade de quase sete mil pessoas, em sua grande maioria, mulheres negras que vêm demonstrando, cada vez mais, vontade de aprender sobre o assunto. Seja para consumir de forma mais consciente, para ingressar no mercado de trabalho ou, ainda, para alavancarem suas carreiras. O ecossistema cervejeiro não é diferente da sociedade, pelo contrário, é reflexo dela. O que buscamos por meio de iniciativas como essa é a modificação de padrões pré-estabelecidos, fazendo com que, de fato, a cerveja (e o mercado cervejeiro), seja de todos e todas”, conta Maria Eduarda Vitorino, produtora de conteúdo Pretas Cervejeiras.

cerveja mulheres negras
Projeto em parceria com Pretas Cervejeiras e Academia da Cerveja oferece treinamento a mulheres negras que buscam entrada no ecossistema cervejeiro – Divulgação

Como participar ?

Interessadas em iniciar a jornada no meio cervejeiro devem se cadastrar pelo Instagram @pretascervejeiras para pré-seleção até o dia 20, e vagas são limitadas. Com duração média de 2h, o treinamento inclui, nesse momento, aulas no formato online ministradas por especialistas da Ambev, certificação e material completo para experiência sensorial com cervejas.

De acordo com Laura Aguiar, Mestre-Cervejeira e Head de Conhecimento e Cultura Cervejeira da Ambev, essa é uma iniciativa necessária para garantir que ecossistema apoie a entrada de mais mulheres no mercado e trate a inclusão com prioridade. “Este é um importante projeto que busca engajar e inspirar outros a fazerem o mesmo pelo nosso setor. Acreditamos que, assim, o nosso universo poderá ser mais plural, diverso e acolhedor com as mulheres”, conta a especialista.

Democratização do conhecimento cervejeiro

Além da parceria firmada com o coletivo Pretas Cervejeiras, a Ambev tem investido na educação para promover o acesso ao conhecimento e à cultura cervejeira. Inaugurada em dezembro, a Academia da Cerveja é um espaço colaborativo e de trocas que une escolas cervejeiras nacionais para ampliar as oportunidades de entrada e inserção no meio, seja para apreciadores da bebida, entusiastas ou profissionais. A iniciativa oferece desde palestras e webinares até cursos de capacitação profissional, nos formatos online e presencial, ministrados por um corpo de docentes da Ambev, VLB Berlin, Escola Superior de Cerveja e Malte, Instituto Ceres e Instituto Marketing Cervejeiro. A programação completa do projeto e agenda de cursos podem ser acessadas pelo site.