Suecos podem tirar 6 meses de licença do trabalho para empreender

Na Suécia, licença para empreender é um direito garantido por lei

Por: Redação Comunicar erro
Crédito: IStock | Geber86Empreender: Suécia é considerada um dos países mais inovadores da Europa

Enquanto no Brasil, o contexto socioeconômico abre portas para quem pretende (e pode) apostar no empreendedorismo – ainda que diante dos inúmeros desafios – na Suécia, administrar o sonho do próprio negócio é mais que fruto de desilusão profissional ou reação ao desemprego.

Isso porque, no país escandinavo, trabalhadores com empregos fixos tem o direito de se afastar por seis meses para abrir uma empresa. Na Suécia, licença para empreender é um direito legal garantido. Com a lei, espera-se, apenas, que os funcionários retornem à mesma posição de antes após o período de licença.

Em entrevista à BBC, a pesquisadora de empreendedorismo e sistemas de informação na Escola de Economia de Estocolmo, Claire Ingram Bogusz comentou sobre a iniciativa: “Até onde sei, este é o único país que oferece um direito legalmente consagrado de tirar uma licença para o empreendedorismo. É comum que as pessoas tenham permissão do empregador para iniciar algo desde que isso não interfira com o emprego, e, uma vez que o negócio esteja funcionando, tirem então uma licença para ver se realmente conseguem fazer só aquilo na vida”.

Além disso, segundo ela, a prática é comum entre  empreendedores altamente qualificados que criam empresas de tecnologia.

Pioneiro em inovação 

Com uma população de apenas 10 milhões de pessoas, a Suécia ostenta, hoje, o fato de ser um dos países mais inovadores da Europa.

Entres os motivos para o feito, destacam-se infraestrutura digital, cultura de colaboração e, sobretudo, seguro desemprego privado acessível, garantindo assim alguma segurança social à população.

Coincidentemente, os números mostram uma crescente demanda pela licença. Se em 2007, o número de licenciados entre 25 e 54 anos era de 163 mil pessoas, dez anos depois o número chegou a 175 mil. Além disso, cerca de 48.542 empresas foram registradas em 2017, em comparação as 27.994 de 2007.

Compartilhe:

1
01:38
Cachorros no escritório melhoram o ambiente de trabalho
Ambiente de trabalho saudável, acolhedor, com redução de estresse e melhora de relacionamento entre a equipe são os benefícios que …
2
01:20
5 dicas para ser um freela bem sucedido
Existem vários pontos positivos em atuar como freelancer no mercado. Mas, para conseguir ser bem sucedido nessa carreira é preciso …
3
01:36
5 mudanças da reforma trabalhista
Confira o que mudou na relação entre trabalhador em empresa com a aprovação da reforma trabalhista. Gostou? Deixe um like e …