CORONAVÍRUS
Tudo o que você precisa saberÚltimas notícias e tudo que você precisa saber

‘Crianças trans precisam ser ouvidas. Vocês não podem nos mudar’, assista ao vídeo

Por: Camila Hungria
foto: reprodução vídeo
“Estou muito feliz vivendo como uma menina, sou Willa em todos os lugares”

“Minha vida tendo que viver como um menino era muito ruim. Até o dia que eu disse ao meu pai e à minha mãe que eu sentia que era uma menina, e eles me aceitaram”, relata Willa Naylor, uma menina trans de sete anos.

No vídeo abaixo, Willa conta como foi importante para ela ser aceita e acolhida pela família, para que pudesse viver da forma como se sentia feliz, como uma menina. “Se eles não tivessem me deixado viver como uma menina, eu teria sido muito triste”.

O vídeo, gravado para o Dia Internacional de Ação pela Despatologização Trans,  dia 24 de outubro, traz uma mensagem poderosa: crianças trans ser acolhidas e aceitas como são “Pois nós sabemos quem somos”, diz Willa no vídeo.

Com sete anos, a garota já é ativista pelos direitos de gênero, na ilha de Malta, onde vive com sua família.

Assista ao vídeo:

Com informações de Hypeness.

1
02:01
As mentiras sobre as vacinas matam
Dr. Gonzalo Vecina, médico e fundador da Anvisa,  fala sobre as mentiras sobre as vacinas e o quanto o calendário …