7 momentos em que o Papa Francisco brilhou ao falar de temas tabus

Por: Redação

Nascido em 1936, Jorge Mario Bergoglio é o primeiro papa latino-americano e também o primeiro jesuíta. Ele está há pouco mais de três anos à frente da Igreja Católica, e é conhecido por sua postura tolerante aos gays, casais divorciados e temas como o aborto.

Nesta quinta-feira, dia 18, quando retornava no México, o Papa fez comentários sobre a epidemia do zika vírus, e permitiu aos fiéis o uso de camisinha, pílulas e outros meios contraceptivos nesta época. Ele afirmou que o aborto é um “crime”, mas a contracepção pode ser excepcionalmente “menos pior”.

“Peço aos médicos que façam de tudo para descobrir as vacinas contra esses mosquitos. Que se trabalhe para isso”< disse.

Relembre outras 6 vezes em que o Papa brilhou ao falar sobre assuntos polêmicos:

1. Quando ele recebeu um transexual em sua residência em Santa Marta no Vaticano

Diego Neria Lejarraga, de 40 anos,  foi impedido de frequentar a paróquia de sua cidade natal na Espanha após cirurgia de transgenitalização. 

2.  Ao dizer que separação é “inevitável” em casos de violência doméstica

Em junho, Papa Francisco anunciou que defende a separação de casais em alguns casos. Ele disse que, sobretudo quando há violência em um relacionamento, a separação torna-se “moralmente necessária”.

3. O dia em que fez uma declaração em defesa dos direitos animais

“Temos um só coração, e as mesmas mazelas que nos levam a maltratar um animal logo se manifestarão no nosso relacionamento com outras pessoas. Todo ato de crueldade contra qualquer criatura é contrário à dignidade humana”, disse o Papa. 

4. Quando autorizou perdão do aborto durante o Ano Santo

Com o objetivo de promover uma igreja aberta e inclusiva, o Papa Francisco vai permitir a todos padres perdoarem as mulheres que fizeram abortos e buscarem perdão durante o Ano Santo da Igreja Católica. O período vai de dezembro de 2015 a novembro de 2016.

5. Abriu o Vaticano para refugiados e pediu o mesmo às paróquias

O gesto faz parte de uma campanha de solidariedade que o pontífice pediu que seja adotada por cada paróquia e comunidade religiosa na Europa.

6. Uma sexta-feira em que o Papa anunciou que lançaria um disco de rock

O disco trará 11 faixas, incluindo trechos de discursos do Papa em inglês, português, italiano e espanhol. Os arranjos são dos músicos Don Giulio Neroni e Tony Pagliuca, artista da banda de rock progressivo “Le Orme”.

1
Moda e consumo consciente na periferia: conheça o Brechó do Barulho
A periferia domina a moda sustentável. O movimento de trocar e emprestar sempre esteve presente nas quebradas de todo o …
2
Djonga, Criolo e Cynthia Luz comentam ‘volta’ do AI-5
A Catraca Livre e o rapper V.A.L.E, do grupo MR-13 e Batalha da Matrix, colaram no Festival Sons da Rua, …
3
Podemos decide expulsar o deputado Marco Feliciano do partido
A diretoria do partido Podemos em São Paulo decidiu na segunda-feira, 9, expulsar o deputado federal Pastor Marco Feliciano da …
4
Joice Hasselmann fala sobre o Pavão Misterioso e o Gabinete do Ódio
Pavão Misterioso, Gabinete do Ódio de Bolsonaro e muitas outras questões foram abordadas no depoimento da deputada Joice Hasselmann (PSL-SP) …
5
Os principais pontos do pacote anticrime de Moro aprovado pela Câmara
A Câmara dos Deputados aprovou na quarta-feira, 4, o pacote anticrime do ministro da Justiça, Sergio Moro. O conjunto de …
6
Tudo o que se sabe sobre a ação policial em Paraisópolis
No último domingo, 9 jovens morreram supostamente pisoteados durante ação realizada pela Polícia Militar na comunidade de Paraisópolis, em São …
7
PSL pune postura de Eduardo Bolsonaro e de outros 17 parlamentares
O diretório nacional do Partido Social Liberal (PSL) decidiu na terça-feira, 3, punir 18 parlamentares acusados de articular o afastamento …
8
Presidente da Funarte diz que rock leva ao aborto e ao satanismo
O músico Dante Mantovani, nomeado nesta segunda-feira, 2, como o presidente da Fundação Nacional de Artes (Funarte), possui um canal …