Após polêmica, Mallu Magalhães pede desculpas por videoclipe

Por: Redação
Mallu Magalhães e seu clipe “Você não presta”

A cantora Mallu Magalhães lançou um clipe da canção “Você não presta” na última sexta-feira, 19, e logo foi acusada de racismo. O clipe mostra bailarinos negros, sem camisa ou com poucas roupas, dançam usando movimentos que remetem ao samba, hip hop e danças africanas enquanto Mallu, a única branca e única com mais roupas que os demais, desfila e canta entre eles.

Após a polêmica, a cantora publicou um pedido de desculpas nesta quarta-feira, 24, em sua página no Facebook. No pedido, Mallu Magalhães diz que entende “as interpretações que derivaram do clipe, mas gostaria de deixar claras minhas reais intenções. A ideia era ter um clipe com excelentes dançarinos que despertassem nas pessoas a vontade de dançar, de se expressar”.

“Fico muito triste em saber que o clipe da música “Você não presta” possa ter ofendido alguém. É muito decepcionante para mim que isso tenha acontecido. Gostaria de pedir desculpas a essas pessoas. Meu trabalho e minha mensagem têm sempre finalidade e ideais construtivos, nunca, de maneira nenhuma, destrutivos ou agressivos”, declarou.

Ela ainda diz ser uma enorme tristeza ter decepcionado algumas pessoas e agradece aos fãs e críticos por ter se expressado sobre a polêmica. “E reitero o meu pedido de desculpa. É uma oportunidade de aprender”, continuou.

Confira o pedido de desculpas da cantora na íntegra:

  • Leia mais:

Compartilhe: