Últimas notícias:

Loading...

José de Abreu justifica cuspida em casal num restaurante de SP

Por: Redação

José de Abreu tentou justificar hoje a cuspida num casal que o criticou num restaurante de São Paulo:

“Se eu não reagir, sou covarde. Se reagir, sou agressivo. Dá pra eu apenas jantar quieto onde eu quiser? Gradicido”, escreveu.

Ele aproveitou para fazer uma propaganda irônica de sua participação no “Domingão do Faustão” (Globo) deste domingo (24) e prometeu “a verdade sobre as cusparadas. Revelações estonteantes sobre o casal fascista.”

José de Abreu afirmou, ainda, que irá processar o casal e sugeriu que o homem com quem discutiu teria “fugido” porque seria casado e estava “com a namorada”.

aligncenter size-medium wp-image-1071391
aligncenter size-medium wp-image-1071391
 
José de Abreu afirma que foi insultado pelo casal[/img]

O ator José de Abreu se envolveu em uma discussão cheia de polêmicas na noite desta sexta-feira, dia 22, em um restaurante japonês de São Paulo.

Após ser provocado por um dos clientes no local com a frase “Vota no PT e vem comer no japonês!”, o ator da Rede Globo resolveu tirar satisfação com o rapaz identificado apenas como um advogado carioca. O episódio terminou com José de Abreu cuspindo no rapaz e em sua esposa.

Em sua conta no Twitter, o ator explicou que ele e sua mulher, Priscila Pettit, teriam sido ofendidos pelo casal por aproximadamente 30 minutos até o início da discussão.

Logo após o episódio, um vídeo foi postado no YouTube com o momento em que teve início a discussão. Confira:

Em entrevista dada neste sábado, dia 23, ao jornal Extra, o ator afirma que teria perdido o controle após ter sido chamado de ladrão e sua esposa de vagabunda: “Foi natural: fiquei com a cabeça quente. Quem não ficaria?”, disse.

Compartilhe: