Bolsonaro assina decreto que proíbe queimadas no país por 60 dias

O objetivo do presidente é sinalizar internamente e para o exterior que seu governo não é omisso ao problema enfrentado na Amazônia

Por: Redação Comunicar erro

O presidente Jair Bolsonaro (PSL) assinou um decreto, nesta quarta-feira, 28, que proíbe, por 60 dias, queimadas em todo o país. A medida é uma resposta aos incêndios que atingem a Amazônia e se transformaram em uma crise de imagem do governo brasileiro no mundo.

bolsonaro
Crédito: Agência BrasilBolsonaro assina decreto que proíbe queimadas no país por 60 dias

O texto será publicado no Diário Oficial da União, na edição desta quinta-feira, 29.

Bolsonaro disse, no fim de semana, que as queimadas são comuns e quase uma “tradição” em algumas regiões do  país. “O pessoal mesmo faz essa queimada. É quase uma tradição. Não é apenas educar, não é fácil. Lá (na Amazônia)são 20 milhões de habitantes. Depende, em parte, do incentivo do Estado nesse sentido”, afirmou o presidente no sábado, dia 24.

O decreto é parte de um pacote que Bolsonaro pretende formalizar, ainda durante está semana, com medidas de prevenção ao meio ambiente, com o objetivo de sinalizar internamente e para o exterior que seu governo não é omisso ao problema enfrentado na Amazônia

Na grande maioria dos casos, as queimadas já são proibidas. O Código Florestal permite queimadas em práticas agrícolas ou florestais que justifiquem o uso do fogo e em unidades de conservação quando fazem parte das características da vegetação nativa. Nesses casos, devem ser autorizadas por órgão ambiental.

A suspensão do governo não é aplicável em três casos, segundo texto obtido pelo GLOBO: para “controle fitossanitário quando autorizado pelo órgão governamental competente”, “para práticas de prevenção e combate a incêndios” e “para práticas de agricultura de subsistência executadas pelas populações tradicionais e indígenas”.

1 / 8
1
08:31
Lobão explica como funciona a mente de Olavo de Carvalho
Em entrevista ao vivo no estúdio da Catraca Livre para o jornalista Gilberto Dimenstein, o cantor Lobão, ex-afeto de Olavo …
2
03:39
Alter do Chão sofre com incêndio de grandes proporções
As chamas que consomem uma área de preservação ambiental de Alter do Chão, em Santarém, no Pará, voltaram a se …
3
09:33
Glenn Greenwald: Os limites do jornalismo no governo Bolsonaro
Em entrevista a Gilberto Dimenstein, da Catraca Livre, Glenn Greenwald, fundador do The Intercept Brasil, site responsável pela série de …
4
03:50
Clã Bolsonaro nomeou familiares para cargos de confiança
Uma reportagem publicada pela revista Época mostra que 17 familiares de Ana Cristina Valle, ex-mulher do presidente Jair Bolsonaro,  foram …
5
10:59
David Miranda x Coaf: Glenn Greenwald fala sobre a investigação
Uma matéria publicada pelo jornal O Globo deu destaque para um relatório do Coaf, em que o deputado federal David …
6
05:12
Glenn Greenwald fala qual foi a matéria mais importante da #VazaJato
Qual foi a matéria mais importante da #VazaJato até agora? Quem responde essa pergunta é o jornalista Glenn Greenwald, do …
7
04:32
É possível apoiar a #VazaJato ao mesmo tempo que a Operação Lava Jato?
O jornalista Glenn Greenwald, fundador do site The Intercept Brasil, deu uma longa entrevista ao jornalista Gilberto Dimenstein sobre a …
8
06:21
Prefeito do Rio censura HQ dos Vingadores por conta de beijo gay
O prefeito do Rio de Janeiro, Marcelo Crivella, mandou recolher todos os exemplares do gibi “Vingadores – A Cruzada das …