Últimas notícias:

Loading...

Bolsonaro classifica isolamento social de ‘tirania’

Em seu Twitter, o presidente condenou quem apoia a medida contra o novo coronavírus

Por: Redação

Jair Bolsonaro (sem partido) voltou a criticar o isolamento social total da população como medida para frear a disseminação do novo coronavírus. Contrário a recomendação de especialistas do mundo todo e da Organização Mundial da Saúde  (OMS), ele classificou a medida como tirania.

A mensagem foi publicada neste sábado, 16, em sua conta no Twitter. “O desemprego, a fome e a miséria será (sic) o futuro daqueles que apoiam a tirania do isolamento total”, escreveu.

No post, Bolsonaro também compartilhou vídeo de uma coletiva em que o ministro da Cidadania, Onyx Lorenzoni, diz que o presidente está certo em se preocupar com os aspectos econômicos do país.

Isolamento social é a única barreira contra o vírus

Como ainda não há remédio, nem vacina contra o novo coronavírus, o isolamento social é a única estratégia possível para conter a velocidade de contágio do novo coronavírus. A medida tem sido adotada por líderes de diversos países, porém, desde o início da pandemia no Brasil, Bolsonaro se posiciona contrário e estimula a população a não aderir.

Para ele, isolar apenas as pessoas do grupo de risco, como idosos e pacientes com doenças crônicas, é o suficiente. Pensamento que contraria o que a ciência vem defendendo.

Compartilhe: