Como Olhar a Obra: Conversas entre Artistas, Críticos e Psicanalistas

O evento  é uma realização do Grupo Arte e psicanálise do Espaço Brasileiro de Estudos Psicanalíticos em parceria com Instituições promotoras de cultura. O Espaço Brasileiro de Estudos Psicanalíticos integra a rede internacional do Collége d’Espace Analytique da qual faz parte a Association de Formation Psychanalytique et de Recherches Freudiennes , constituindo-se como um lugar de reflexão sobre a política atual da psicanálise, tanto do ponto de vista da comunidade psicanalítica quanto de sua posição no mundo contemporâneo.

A obra de arte interroga o artista como interroga o crítico que se disponha a falar dela, atribuindo-lhe um sentido e um lugar na história da arte. Da mesma maneira, o psicanalista que encontre na obra de arte uma provocação ao que pode pensar sobre a subjetividade e, até mesmo, sobre o campo e os conceitos psicanalíticos, carrega consigo a preocupação de haver-se com ela de uma maneira que tal encontro proporcione problematizações e questões, não interpretações superficiais da obra de arte que sirvam apenas para confirmar seus conceitos.

Programação 2009

Março – 27/03

Edith Derdyk, José Bento Ferreira e Andrea Masagão.

Abril – 24/04

Laura Vinci, Juliana Monachesi e Sílvia Nogueira de Carvalho.

Maio – 22/05

Gustavo Rezende, Marisa Flórido Cesar e Patrícia Badari.

Junho – 26/06

Marilá Dardot, Paula Alzugaray e Elaine Armenio.

Agosto – 28/08

Nuno Ramos, Thaís Rivitti e Zelia Villar.

Setembro – 25/09

Wagner Malta Tavares, Guy Amado e Carlos Godoy.

Outubro – 30/10

Cristiano Mascaro, Henrique Siqueira e João Frayze-Pereira.

Novembro – 27/11

Fabiano Gonper, Marília Panitz e Alessandra Monachesi Ribeiro.

Organização do evento: Andrea Menezes Masagão, Alessandra Monachesi Ribeiro e Silvia Nogueira de Carvalho.

Redação

Por Redação

Conteúdos produzidos por uma equipe super diversificada da Catraca Livre. Diferentes perfis se unem para compor um time plural focado em traduzir o melhor do jornalismo para nosso público.