Consulta pública avalia condições de vida nas cidades brasileiras

A iniciativa foi criada pela ONU-Habitat e pelo Colab

Por: Redação Comunicar erro
Rio de Janeiro
Crédito: peeterv / iStockA consulta pública tem 29 perguntas sobre transporte, inclusão, serviços básicos e transparência

Como é o transporte público da sua cidade? E a coleta de lixo? Para avaliar essas e outras questões, a ONU-Habitat e o Colab lançaram uma consulta pública sobre a sustentabilidade e as condições de vida nos municípios brasileiros. Criado há três semanas, o questionário já recebeu mais de 4,3 mil respostas.

A consulta pública “Cidades Sustentáveis” reúne 29 perguntas de múltipla escolha sobre temas como transporte, inclusão, serviços básicos e transparência. O prazo para os brasileiros fazerem um “raio-x” de onde vivem é até 24 de dezembro. Para participar, entre no site ou baixe o aplicativo do Colab.

O objetivo do projeto é diagnosticar o avanço do Brasil nas metas de desenvolvimento urbano sustentável da Organização das Nações Unidas (ONU). Segundo as organizações, a participação dos cidadãos é fundamental para a identificação da percepção sobre sustentabilidade no país.

Até a publicação desta matéria, a cidade com mais participações na consulta é Niterói, seguida por São Paulo, Rio de Janeiro, Porto Alegre, Recife, Brasília, Teresina e Campinas.

Qual a percepção dos brasileiros sobre suas cidades

Os dados já recolhidos dão uma amostra de como os cidadãos brasileiros enxergam suas cidades. A percepção sobre a ampliação do acesso a serviços básicos (água potável, saneamento, eletricidade e coleta de resíduos) aparece como destaque positivo. No geral, 45% dos brasileiros acreditam que esse indicador melhorou nos últimos dois anos. Em Brasília, esse número é de 50% e em Campinas e Niterói, de 47%.

O aumento das favelas e assentamentos informais nos últimos dois anos, no entanto, aparece como realidade para 78% das pessoas que responderam ao questionário. Na cidade do Rio de Janeiro, esse índice chega a 97%. Em Niterói, São Paulo e Porto Alegre, fica em 91%.

A disponibilidade de terra para os cidadãos é percebida como um problema. No Brasil, 67% das pessoas discordam que as pessoas tiveram mais facilidade no acesso à terra nos últimos dois anos. No Recife, 88% das pessoas discordaram dessa afirmação, no Rio de Janeiro, 85% e, em São Paulo, 81%.

No tema do transporte urbano, 75% dos brasileiros discorda que tenha havido melhorias na acessibilidade nos últimos dois anos. No Recife, essa preocupação atinge 88% das pessoas e em Porto Alegre, 87%.

O aumento da poluição do ar aparece como uma realidade para 45% dos brasileiros que responderam a pesquisa. O destaque negativo vai para São Paulo. Na capital paulista, 79% dos participantes apontam que a poluição aumentou nos últimos dois anos. Em Brasília, ao contrário, a poluição aparece como problema para apenas 35% dos cidadãos.

A pesquisa também mostra que os moradores das cidades brasileiras desconhecem políticas de combate às mudanças climáticas e resiliência a desastres. No país, 81% dos cidadãos disse que sua cidade não tem esse tipo de política. Em Teresina, esse número chega a 89%, no Recife a 85% e, em Campinas, a 83%.

“Já é possível ver, pelos resultados, que as diferenças entre as cidades são muitas. Por isso, a colaboração dos cidadãos é fundamental para que o diagnóstico de cada local seja preciso e gere as melhores soluções”, afirma Gustavo Maia, CEO e cofundador do Colab. “A tecnologia está ajudando nesse diálogo entre a população e poder público.”

1 / 8
1
08:59
Lobão analisa a relação de Bolsonaro com seus filhos
Um dos poucos nomes do meio artístico a apoiar a eleição de Jair Bolsonaro (PSL), o músico Lobão revelou recentemente …
2
08:31
Lobão explica como funciona a mente de Olavo de Carvalho
Em entrevista ao vivo no estúdio da Catraca Livre para o jornalista Gilberto Dimenstein, o cantor Lobão, ex-afeto de Olavo …
3
03:39
Alter do Chão sofre com incêndio de grandes proporções
As chamas que consomem uma área de preservação ambiental de Alter do Chão, em Santarém, no Pará, voltaram a se …
4
09:33
Glenn Greenwald: Os limites do jornalismo no governo Bolsonaro
Em entrevista a Gilberto Dimenstein, da Catraca Livre, Glenn Greenwald, fundador do The Intercept Brasil, site responsável pela série de …
5
03:50
Clã Bolsonaro nomeou familiares para cargos de confiança
Uma reportagem publicada pela revista Época mostra que 17 familiares de Ana Cristina Valle, ex-mulher do presidente Jair Bolsonaro,  foram …
6
10:59
David Miranda x Coaf: Glenn Greenwald fala sobre a investigação
Uma matéria publicada pelo jornal O Globo deu destaque para um relatório do Coaf, em que o deputado federal David …
7
05:12
Glenn Greenwald fala qual foi a matéria mais importante da #VazaJato
Qual foi a matéria mais importante da #VazaJato até agora? Quem responde essa pergunta é o jornalista Glenn Greenwald, do …
8
04:32
É possível apoiar a #VazaJato ao mesmo tempo que a Operação Lava Jato?
O jornalista Glenn Greenwald, fundador do site The Intercept Brasil, deu uma longa entrevista ao jornalista Gilberto Dimenstein sobre a …