Defensoria Pública de SP recebe denúncias de agressões

O órgão irá fornecer orientação jurídica às vítimas e acompanhamento dos casos mais graves

Por: Redação | Comunicar erro
julyana barbosa transexual espancada
Crédito: Reprodução/FacebookJulyana Barbosa, transexual, foi espancada com barras de ferro por homens em saída de festa no Rio de Janeiro

A Defensoria Pública de São Paulo lançou nesta sexta-feira, 18, uma plataforma para receber relatos de violência decorrentes de discriminações motivadas pelas diversas formas de intolerância e preconceito.

A plataforma “Observatório da Violência por Intolerância” permite que as vítimas enviem à Defensoria informações a respeito de cada caso, especificando se ocorreu por meio presencial ou digital, qual o tipo de violência (agressão física, ameaça, ofensa verbal ou dano patrimonial) e qual a razão e contexto (discriminação racial, homofóbica, por origem ou xenofobia, de gênero, ou intolerância política ou religiosa), além de eventuais identificação de agressores, provas do ocorrido, entre outros dados.

Os registros recebidos servirão para consolidar dados e ocorrências que possam subsidiar políticas de prevenção e enfrentamento a episódios de intolerância, tanto pela Defensoria quanto por outros órgãos e instituições públicas. O órgão irá fornecer orientação jurídica às vítimas e acompanhamento dos casos mais graves.

O site garante o sigilo das informações pessoais coletadas, além de não ser necessário se identificar. No entanto, se a pessoa deseja alguma forma de atendimento, é importante indicar algum canal de contato.

“Pensamos no Observatório como uma ferramenta de mapeamento da violência decorrente das diversas formas de intolerância, inclusive permitindo a identificação mais rápida e segura de eventuais alterações na sociedade sobre esse fenômeno, que exige um olhar atento do Estado, tanto no aspecto de prevenção quanto de repressão”, diz a 1ª Subdefensora Pública-Geral, Juliana Belloque.

A Defensoria Pública da União (DPU) integra e apoia a iniciativa – e irá receber relatos e casos que sejam de atribuição da esfera federal.

Para denunciar, clique aqui.

1 / 8
1
01:51
Site ‘Não me Perturbe’ permite bloquear ligações de telemarketing
A Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) lançou o Não me Perturbe, site que permite bloquear ligações de telemarketing. O sistema …
2
02:10
Danilo Gentili faz a mais impactante piada sobre Eduardo Bolsonaro
Foi o ataque mais devastador à Jair Bolsonaro. Não apenas porque suas piadas sobre a indicação de Eduardo Bolsonaro viralizaram …
3
02:59
É exagero comparar Joel Santana com Eduardo Bolsonaro?
Você pode achar que o título desse vídeo é exagerado. Afinal, poucas coisas podem ser piores do que o inglês …
4
03:49
Curiosidades sobre os 50 anos da chegada do homem à lua
Há exatos 50 anos um grupo de astronautas americanos pousava na lua pela primeira vez. O momento foi um dos …
5
03:05
Bolsonaro dá tiro no pé ao nomear Eduardo para embaixada
O presidente Jair Bolsonaro voltou a defender a nomeação de seu filho, Eduardo Bolsonaro, para a embaixada do Brasil nos …
6
02:31
Deltan usou Lava Jato para pedir férias de graça no Beach Park
Novos diálogos divulgados pelo jornal Folha de S. Paulo em parceria com o site The Intercept Brasil mostram que o …
7
02:09
Maioria reprova mudanças para o trânsito propostas por Bolsonaro
De acordo com uma pesquisa Datafolha, divulgada neste domingo, dia 14, a maioria da população reprova o projeto de lei …
8
02:00
Jair Bolsonaro volta a defender filho Eduardo na embaixada nos EUA
Alvo de críticas desde a última semana por indicar Eduardo Bolsonaro (PSL-SP) para a embaixada do Brasil nos Estados Unidos, …