Desordem genética “Síndrome de Wolverine” faz gato ser mais peludo que o normal

Por: Razões Para Acreditar

Existe uma desordem genética rara chamada hipertricose, informalmente chamada de “Síndrome de Wolverine”, que resulta em uma quantidade anormal de pelos.

Atchoum é um gato persa muito lindo de Quebec, no Canadá, portador dessa síndrome que fez com que o pelagem dele crescesse um pouco mais do que o normal e o deixasse ainda mais bonito, charmoso e fofinho. Veja mais histórias inspiradoras aqui.

Compartilhe:

Tags: #gato
1
Anarquia da ponte pra lá: a história do punk na periferia de SP
Autor do livro My Way, Valo Velho é história viva da cena anarcopunk de São Paulo. A Catraca Livre foi até …
2
Backer: entenda o caso das cervejas contaminadas
O Ministério da Agricultura suspendeu a venda de cervejas da marcar Backer e determinou que a empresa faça um recall …
3
O que é liberdade de expressão?
O que é liberdade de expressão? Entenda o significado e a importância desse direito tão importante para todos nós neste …
4
Entenda o acordo nuclear que envolve EUA x Irã
Errata: ao contrário do que aparece no vídeo, o nome do especialista entrevistado é Lucas Leite e não Felipe. O …
5
Depois de ataque e perseguição, Porta dos Fundos é alvo de censura
A Justiça do Rio de Janeiro resolveu mandar retirar do ar “A Primeira Tentação de Cristo”, um Especial de Natal …
6
“Imprecionante”: ministro Weintraub comete novo erro de português
O ministro da Educação, Abraham Weintraub, escorregou de novo na língua portuguesa e a internet não deixou passar. Ao agradecer um …
7
Irã: ataque às bases dos EUA, queda de avião e terremoto
Em apenas uma noite, três eventos simultâneos no Irã fizeram com que a atenção de todo o mundo se voltasse …
8
Irã retoma programa nuclear e EUA podem ter tropas expulsas do Iraque
O assassinato do general iraniano Qassim Suleimani tem gerado uma série de desdobramentos no Oriente Médio, como a possível expulsão …