Últimas notícias:

Loading...

Fábrica de artigos nazistas é fechada em Timbó (SC)

O estabelecimento vendia artigos como caneca com a suástica e pôster de Adolf Hitler

Por: Redação

A Polícia Civil de Santa Catarina fechou uma fábrica que produzia e comercializava produtos nazistas em Timbó, no Vale do Itajaí.

O estabelecimento vendia artigos como caneca com a suástica, pôster de Adolf Hitler e até mesmo um busto do líder do nazista. Ninguém foi preso na operação de quinta-feira, 2.

fábrica acessórios nazistas
Crédito: Divulgação/Polícia Civil de SCMaterial apreendido em fábrica de acessórios nazistas em Timbó (SC)

Fabricar, comercializar, distribuir ou veicular símbolos com a suástica é crime no Brasil. A lei 7716/1989 prevê pena dois a cinco anos de prisão, além de multa.

De acordo com o jornal O Globo, a polícia chegou ao local após descobrir um site que vendia artigos militares. Mas na realidade a página vendia produtos que faziam alusão ao nazismo.

Os objetos estavam dentro de dois contêineres em um terreno ao lado da fábrica. O suspeito de ser o dono não foi encontrado. Segundo a polícia ele está passando as férias em Portugal.

fábrica acessórios nazistas
Crédito: Divulgação/Polícia Civil de SCPoliciais fecham fábrica de acessórios nazistas em Timbó (SC)

O Ministério Público de Santa Catarina também investiga o caso e aguarda a conclusão da Polícia Civil para tomar as medidas jurídicas cabíveis, informou o órgão.

Saudação nazista

No começo da semana, um vídeo começou a circular pelas redes sociais mostra um homem fazendo a saudação nazista e exibindo um capacete da legião hitlerista que comprou para supostamente utilizar durante suas “lives”.

Vídeo: Com capacete da legião hitlerista, homem faz saudação nazista
Crédito: Reprodução/Twitter @helarichoVídeo: Com capacete da legião hitlerista, homem faz saudação nazista

“Olha o que chegou pra mim, meu chapéu da legião hitlerista, porr*, tamo junto, caralh*!”, diz ele feliz com a chegada do objeto com simbologia nazista.

Depois da saudação nazista, o rapaz fala em detalhes sobre o capacete que acabou de chegar e ainda diz que agora está na espera pela chegada do uniforme.

“Com esse chapéu (sic) aqui vou fazer os vídeos, tá ligado. Vou sair com ele na rua e estou pra comprar a roupa também. Vai ficar top! valeu, é nois!”, ao se despedir, o jovem novamente faz a saudação nazista.

O vereador Leonel Radde (PT-RS) já identificou o perfil do autor do vídeo e realizou uma denúncia. Segundo o parlamentar, trata-se de Israel Soares, morador de Tramandaí (RS).

Vale ressaltar que a apologia ao nazismo é considerada crime no Brasil e está enquadrada na Lei nº 7.716/89, chamada lei do racismo. As punições podem ser de multa à prisão.

Compartilhe:

Tags: #Crime