Frente Evangélica protesta contra indicação de Mozart Ramos

Em nota, o Instituto Ayrton Senna diz que Mozart não foi convidado por Bolsonaro e que ambos terão uma reunião nesta quinta-feira

Por: Redação | Comunicar erro
Tags: #educação

Segundo informação divulgada pela coluna Painel, da Folha de S. Paulo, integrantes da Frente Parlamentar Evangélica reagiram negativamente à indicação de Mozart Neves Ramos para o Ministério da Educação.

O diretor do Instituto Ayrton Senna foi cogitado para assumir a pasta no início da tarde desta quarta-feira, 21, quando saíram as primeiras notícias sobre a possível indicação. A notícia motivou uma movimentação de deputados representantes da Frente Evangélica, que se dirigiram ao centro de transição de governo, em Brasília, para demonstrar o descontentamento com a indicação.

O intelectual Olavo de Carvalho, guru de Bolsonaro, chamou a indicação de “palhaçada”.

Os motivos: 

Isso porque, segundo eles, Mozart não se identifica com o projeto Escola Sem Partido, defendido veementemente por Bolsonaro e aliados religiosos. Além disso, o indicado não seria contrário à ideologia de gênero, que, segundo os evangélicos, é hoje praticada em sala de aula.

Mozart chegou a ser sondado pelo presidente Michel Temer (MDB) para o cargo, mas recusou

Diante da possibilidade, os integrantes da frente disseram que a confirmação de Mozart representará uma ruptura com o modelo de governo proposto por Bolsonaro na candidatura.

O protesto foi levado ao futuro chefe da Casa Civil, Onyx Lorenzoni (DEM-RS). Em meio à tensão causada pela possível escolha, Onyx argumento que a indicação ainda não foi definida.

Em nota, o Instituto Ayrton Senna também ressaltou que Mozart não foi convidado por Bolsonaro e que ambos terão uma reunião nesta quinta-feira, 22./Com informações da Folha de S. Paulo.

Compartilhe:

1 / 8
1
53s
Operação Lava Jato prende ex-presidente Michel Temer
Em mais uma etapa da Operação Lava Jato, a Polícia Federal prendeu na manhã desta quinta-feira, 21, o ex-presidente Michel …
2
02:53
Suzano e Nova Zelândia: os impactos da exposição excessiva
A primeira-ministra da Nova Zelândia, Jacinda Ardern, disse que o nome do atirador que matou 50 pessoas em uma mesquita em …
3
02:28
Posse de armas: Nova Zelândia dá exemplo de civilidade ao mundo
Após chocar o mundo nesta semana com o massacre de 50 pessoas em duas mesquitas de Christchurch, a Nova Zelândia …
4
03:10
Entenda o mistério por trás da boneca Momo
Ainda mais perturbador, o Desafio da Momo está de volta e desta vez a boneca aparece supostamente dentro de vídeos …
5
02:25
Bolsonaro apoia a construção de muro entre EUA e México
Em viagem diplomática a Washington, o presidente Jair Bolsonaro disse apoiar a construção do muro na fronteira entre EUA e México, …
6
01:42
A nova decisão do STF e o futuro da Lava Jato
O Supremo Tribunal Federal (STF) decidiu que a partir de então os crimes de lavagem de dinheiro e corrupção quando …
7
02:31
Atentado na Nova Zelândia: crimes transmitidos nas redes sociais
Mais um atentado terrorista chocou o mundo nesta sexta-feira, dia 15. Um atirador realizou ataques simuntâneos em duas mesquitas, deixando …
8
01:45
O lugar em que os atiradores de Suzano foram considerados heróis
Uma reportagem publicada nesta terça-feira, 14, pelo portal da Vice indica que os atiradores que invadiram a Escola Estadual Raul …