Últimas notícias:

Loading...

Garota negra é enlaçada pelo pescoço dentro de escola

A agressão foi classificada como um ato de intimidação racista

Por: Redação

Durante um passeio escolar, uma garota negra teve seu pescoço envolvido por uma corda enquanto estava perto de um balanço, o ato foi cometido por três meninas brancas.

O caso aconteceu em 2016 na cidade de Waco, no Texas (EUA), mas somente agora a instituição foi condenada a pagar uma indenização de US$ 68 mil , o equivalente a R$ 250 mil. A vítima não teve sua identidade publicamente divulgada, pois na época ela tinha apenas 12 anos.

Crédito: ReproduçãoGarota ficou com o pescoço gravemente lesionado, após agressão de meninas brancas

O pescoço da garota ficou com graves marcas de queimadura. Ao chegar em casa, sua mãe, Sandy Rougely, viu o ferimento e foi então que a filha contou como tudo aconteceu. Ela estava parada ao lado de um balanço, quando as meninas brancas envolveram seu pescoço na corda -que ficava solta ao lado do brinquedo, sendo usada para puxá-lo para cima –  e a arrastaram pelo chão.

A escola sustenta que foi um acidente, mas a defesa da família alega que a lesão aconteceu por atos de intimidação racista. O caso foi encerrado essa semana, tendo o tribunal determinado o pagamento de US$ 55 mil pela dor física e pela angústia mental da vítima, US$ 10 mil pela lesão física sofrida durante o episódio e US$ 3 mil por despesas médicas.

  • Racismo é crime previsto pela Lei 7.716/89 e deve sempre ser denunciado. A denúncia pode ser feita por e-mail (ouvidoria@seppir.gov.br), disque 100 ou 156 (segunda a sexta-feira, das 7h às 19h. Nos sábados, domingos e feriados, das 8h às 18h). 

    Saiba como agir em caso de racismo

Compartilhe: