Globo se pronuncia sobre pedofilia em ‘O Outro Lado do Paraíso’

Conselho Federal de Psicologia repudia a "forma simplista" com que a emissora trata o caso em sua principal novela

Por: Redação | Comunicar erro
TV Globo se pronuncia após nota de repúdio do Conselho Federal de Psicologia

Depois de o Conselho Federal de Psicologia (CFP) criticar a TV Globo pela abordagem superficial dada ao caso de pedofilia na novela “O Outro Lado do Paraíso“, a emissora decidiu se pronunciar.

A principal acusação do órgão é de que a Globo “presta um desserviço à população brasileira” ao tratar com “simplismo” o sofrimento psíquico da personagem Laura (Bella Piero) – vítima do abuso sexual na infância cometido pelo padrasto, Vinicius (Flávio Tolezani).

O CFP também repudiou o fato de que a novela não está abordando como deveria as formas de tratamento que a vítima precisa passar para se curar do trauma. Leia a nota na íntegra do Conselho Federal de Psicologia aqui.

Em contrapartida, a emissora se defende ao dizer que suas novelas são uma obra de ficção e não têm compromisso algum com a realidade. Ainda, que a personagem Laura recorre a “diferentes e variadas formas de apoio e terapias, das mais às menos ortodoxas”.

A Globo ainda dá uma palhinha do que vem por aí, afirmando que, em determinado episódio, irá divulgar o Ligue 100, número oficial para denúncias de violação de direitos humanos.

Confira abaixo, na íntegra, a nota de resposta da TV Globo:

“As novelas são obras de ficção, sem compromisso algum com a realidade. A Globo reconhece a importância de todos os seus programas para discussões e reflexões sobre assuntos de interesse da sociedade e está atenta à responsabilidade que lhe é atribuída sobre todos os temas abordados. O que a novela ‘O Outro Lado do Paraíso’ quer mostrar com o desenvolvimento da trama da personagem Laura é o processo pelo qual passa uma pessoa que precisa de ajuda, recorrendo a diferentes e variadas formas de apoio e terapias, das mais às menos ortodoxas.

É importante reiterar, ainda, a seriedade com que a novela ‘O Outro Lado do Paraíso’ tem abordado, desde a estreia, questões relacionadas a diferentes tipos de abuso e preconceito. Corroborando o compromisso da Globo com a sociedade, está prevista a exibição, ao final de alguns capítulos, de cartela de divulgação do Ligue 100, número oficial para denúncias de violação de direitos humanos.

Comunicação da Globo”

O serviço do Disque Denúncia Nacional de Abuso e Exploração Sexual contra Crianças e Adolescentes é coordenado e executado pela Secretaria Especial dos Direitos Humanos da Presidência da República.

Por meio do 100, o usuário pode denunciar violências contra crianças e adolescentes, colher informações acerca do paradeiro de crianças e adolescentes desaparecidos, tráfico de pessoas – independentemente da idade da vítima – e obter informações sobre os Conselhos Tutelares.

O serviço funciona diariamente de 8h às 22h, inclusive nos finais de semana e feriados. As denúncias recebidas são analisadas e encaminhadas aos órgãos de defesa e responsabilização, conforme a competência, num prazo de 24h. A identidade do denunciante é mantida em absoluto sigilo. (As informações são da UNICEF).

  • Veja também:

1 / 8
1
04:04
E se Carlos Bolsonaro fosse gay?
O ex-deputado Jean Wyllys fez uma série de posts em sua rede social apontando que Carlos Bolsonaro, o filho 02 …
2
03:02
Empresas usaram disparos no WhatsApp durante eleição de Bolsonaro
Uma reportagem publicada pela Folha de S. Paulo mostra que empresas brasileiras contrataram uma agência de marketing na Espanha para …
3
01:49
Senado diz não e derruba o decreto de armas de Bolsonaro
O Senado votou na terça-feira, 18, o parecer que pede pela suspensão dos decretos que flexibilizam o porte e a …
4
03:54
Bancada do PSL passa vergonha ao convocar e desconvocar Glen Greenwald
O deputado federal Daniel Silveira (PSL-RJ) apresentou na quarta-feira, dia 12, um requerimento na Comissão de Segurança Pública da Câmara …
5
03:48
O melhor jornal do mundo faz a pior reportagem para Bolsonaro
Essa é a pior reportagem já publicada num jornal estrangeiro contra Jair Bolsonaro. Por dois motivos: saiu no mais importante …
6
03:47
A estranha conexão entre o caso Najila Trindade e Sérgio Moro
O jornalista Gilberto Dimenstein publicou em sua coluna no site Catraca Livre um texto em que conecta dois casos de …
7
03:04
Entendas os possíveis impactos do vazamento das mensagens de Moro
O site The Intercept Brasil divulgou trechos de mensagens trocadas entre o então juiz Sérgio Moro, atual ministro da Justiça, …
8
02:00
Tire todas as dúvidas sobre a doação de sangue
O frio chegou para te lembrar sobre a importância de doar sangue. Uma simples doação pode ajudar até quatro pessoas! Durante …