Irmão de Bolsonaro foi acusado de ser funcionário fantasma

Alvo da Receita Federal, Renato Bolsonaro tem rede de lojas em Miracatu, no interior de São Paulo

Por: Redação

Um dos irmãos do presidente Jair Bolsonaro ganhou os holofotes da mídia esta semana. Dono de uma rede de lojas de móveis em Miracatu, em São Paulo, Renato tem ganhado prestigio com políticos do PSL e virou alvo da Receita Federal.

Reportagem do O Globo traçou um perfil de Renato Bolsonaro, que é uma espécie de embaixador ” responsável por recepcionar autoridades na região no Vale do Ribeira, como ministros e secretário do governo Bolsonaro.

Crédito: Reprodução/FacebookRenato Bolsonaro, um dos irmãos do presidente Jair Bolsonaro

Nas redes sociais, o irmão de Bolsonaro faz questão de publicar e agradecer a visitas de autoridades a Miracatu.

No ano passado, Renato Bolsonaro foi exonerado do cargo de assessor especial parlamentar na Alesp (Assembleia Legislativa de São Paulo) após denúncias de ser funcionário fantasma.

Ele recebia R$ 17 mil mensais do deputado estadual André do Prado (PR) sem pisar na Alesp.

Compartilhe: