João de Deus pode ser investigado por tráfico de bebês

A denúncia foi feita pela ativista Sabrina Bittencourt

Por: Redação | Comunicar erro

O Ministério Público de São Paulo encaminhou na última segunda-feira, 7, um pedido de investigação sobre uma suposta ligação de João de Deus com o crime de tráfico internacional de bebês e escravização de mulheres. 

A denúncia foi feita pela ativista Sabrina Bittencourt, que atou na divulgação dos casos abuso praticados pelo médium durante atendimentos espirituais em seu centro em Abadiânia, Goiás. Em um vídeo divulgado nas suas redes sociais, ela afirma que João de Deus faria parte de uma quadrilha de vendas de bebês e de escravização sexual de mulheres há pelo menos 20 anos.

Segundo ela, as crianças seriam comercializadas por famílias nos Estados Unidos, Austrália e Europa por valores entre US$ 20 mil e US$ 50 mil. Sabrina ainda afirma ter depoimentos de mães adotivas, ex-funcionárias e moradores de Abadiânia que eram coagidos pelo médium a participar do esquema.

A ativista também diz que João de Deus estaria envolvido com muitas ilegalidades. “A gente tem mapeado uma série de outros crimes”.

Ainda no mesmo vídeo, ela conta que mulheres seriam mantidas em cárcere privado como escravas sexuais. Forçadas a engravidar em troca de comida para seus filhos.

“Nós temos mulheres que são utilizadas como escravas sexuais. Em geral, mulheres negras e de baixa renda tanto em Abadiânia como em Anápolis. Mulheres do norte de Minas [Gerais] que viviam próximo aos garimpos ilegais de João de Deus”.

Provas e defesa

Ao UOL, a coordenadora do Núcleo de Gênero do Ministério Público de São Paulo, Valéria Scarance, falou que a ativista passou uma série de detalhes sobre os crimes acima citados, como uma lista com nomes de pessoas envolvidas e provas.

“Todo esse material foi formalmente encaminhado ao MPF e também ao MP de Goiás”, afirmou Valéria.

O advogado de defesa de João de Deus, Alberto Toron, também foi ouvido pelo UOL. Ele afirmou que aguardará as investigações e que sem provas, as acusações de Sabrina Bittencourt  “desmerece maior consideração”.

Compartilhe:

1 / 8
1
01:49
Senado diz não e derruba o decreto de armas de Bolsonaro
O Senado votou na terça-feira, 18, o parecer que pede pela suspensão dos decretos que flexibilizam o porte e a …
2
03:54
Bancada do PSL passa vergonha ao convocar e desconvocar Glen Greenwald
O deputado federal Daniel Silveira (PSL-RJ) apresentou na quarta-feira, dia 12, um requerimento na Comissão de Segurança Pública da Câmara …
3
03:48
O melhor jornal do mundo faz a pior reportagem para Bolsonaro
Essa é a pior reportagem já publicada num jornal estrangeiro contra Jair Bolsonaro. Por dois motivos: saiu no mais importante …
4
03:47
A estranha conexão entre o caso Najila Trindade e Sérgio Moro
O jornalista Gilberto Dimenstein publicou em sua coluna no site Catraca Livre um texto em que conecta dois casos de …
5
03:04
Entendas os possíveis impactos do vazamento das mensagens de Moro
O site The Intercept Brasil divulgou trechos de mensagens trocadas entre o então juiz Sérgio Moro, atual ministro da Justiça, …
6
02:00
Tire todas as dúvidas sobre a doação de sangue
O frio chegou para te lembrar sobre a importância de doar sangue. Uma simples doação pode ajudar até quatro pessoas! Durante …
7
02:58
O que revela a foto de Bolsonaro ao lado de Neymar
O presidente Jair Bolsonaro postou uma foto ao lado de Neymar após o amistoso entre Brasil e Qatar, que aconteceu …
8
05:25
Projeto pode acabar com multa no transporte de criança sem cadeirinha
De acordo com o projeto de lei entregue pessoalmente pelo presidente Jair Bolsonaro na Câmara dos Deputados nesta terça-feira, dia …