Últimas notícias:

Loading...

Jogo PSG: Quem é o 4º árbitro acusado de racismo?

Arbitrando para a FIFA desde 2006, Sebastian Coltescu nunca chegou a ser o árbitro principal de uma competição importante

Por: Redação
Ouça este conteúdo

O romeno Sebastian Coltescu teve um grande destaque negativo na imprensa nesta última terça-feira, 8, ao ser acusado de fazer comentários racistas contra o ex-jogador Pierre Webó durante uma partida de futebol. O jogo que acontecia era entre PSG e Istanbul Basaksehir, pela última rodada da Liga dos Campeões.

Jogo PSG: Quem é o 4º árbitro acusado de racismo?
Crédito: DivulgaçãoJogo PSG: Quem é o 4º árbitro acusado de racismo?

A grande repercussão com a acusação de racismo fez com que ele tivesse todos os holofotes, como nunca teve durante toda sua carreira. A partida suspensa será realizada nesta quarta-feira, às 14h55, no horário de Brasília, mas com outra equipe de arbitragem.

Arbitrando para a FIFA desde 2006, Coltescu, de 43 anos, nunca chegou a ser o árbitro principal de uma competição importante. Segundo o site ‘worldreferee’, especializado em arbitragem, ele já teve licença retirada no fim de 2007 por conta de más atuações em campo. Ainda nessa época, ele foi rebaixado para apitar partidas da segunda divisão da Romênia.

Nesta temporada, o quarto árbitro apitou em jogos importantes como na vitória do Shakhtar Donetsk por 2 a 0 sobre o Real Madrid, na vitória do Liverpool por 5 a 0 sobre a Atalanta e na vitória da Juventus por 2 a 0 sobre o Dínamo de Kiev.

Já como árbitro principal, Coltescu apitou em 2020 o amistoso entre as fracas seleções de Bulgária e Gibraltar no mês de novembro.

A última partida dele como árbito principal em uma competição na Europa foi há mais de uma no, em julho de 2019, no jogo entre Siroki Brijeg (Bósnia) e Kairat (Cazaquistão). Na liga romena, de seu país natal, Coltescu tem sete jogos em 12 rodadas nesta temporada.

A Federação Romena de Futebol divulgou um comunicado oficial dizendo que aguarda uma posição da Uefa sobre o caso e que “está firmemente delimitada de qualquer ação ou declaração racista ou xenófoba”.

Compartilhe: