Leitores da Catraca Livre ajudam a criar maior petição do Brasil

Por: Redação

A meta era chegar a 1 milhão de assinaturas em 48 horas contra o aumento dos salários dos ministros do Supremo Tribunal Federal – esse aumento vai custar até R$ 6 bilhões aos cofres públicos.
Como a meta foi atingida em 24 horas, Catraca Livre convida seus leitores a ajudarem a criar um fato inédito: o maior abaixo-assinado da história do Brasil.
O desafio é atingir, nas próximas 24 horas, mais do que a Ficha Limpa, que teve 1,6 milhão de assinaturas. A meta agora é 2 milhões de assinaturas.
Não há registro, no Brasil, de tantas assinaturas serem conseguidas em tão pouco tempo.

Para aderir à campanha, basta clicar aqui.

Só para comparar: a Lei da Ficha Limpa, um das maiores petições já feitas no Brasil, teve 1,5 milhão de assinaturas depois de vários meses de mobilização.
Catraca Livre Livre apoia essa petição, criada pelo Partido Novo,  e convida seus leitores a dizer não. Fizemos uma enquete com nossos leitores –  98% apoiaram  mobilização.

De acordo com o texto da campanha virtual, acompanhada pela hashtag #AumentoNão, que figurou entre os assuntos mais comentados do Twitter, “primeiro os parlamentares aumentam o salário dos ministros do STF para ampliar o teto constitucional, assim conseguem aumentar os próprios salários e em outras áreas públicas. Isso causa um efeito cascata e retroativo que o Brasil não suporta mais”.

O aumento de R$ 6 mil reais nos salários dos ministros e da Procuradora Geral da República, que passará a ser de R$ 39 mil mensal, causa um impacto que varia entre R$ 4 bilhões a R$ 6 bilhões por ano nas contas nacionais e diz que “os brasileiros não toleram mais pagar a conta”.

O aumento foi aprovado na tarde desta quarta-feira, 7, pela maioria dos votos do Senado e agora precisa ser sancionado pelo presidente da República em exercício, Michel Temer. Jair Bolsonaro, futuro chefe do Executivo, já se posicionou contrário à proposta.

Entenda

O Senado aprovou nesta quarta-feira, 7, projetos de lei que concedem aumento aos ministros do Supremo Tribunal Federal (STF) e ao procurador-geral da República. O reajuste altera o subsídio dos 11 integrantes do STF e da atual chefe do Ministério Público Federal, Raquel Dodge, de R$ 33,7 mil para R$ 39 mil e provoca um efeito cascata sobre os funcionários do Judiciário, abrindo caminho também para um possível aumento dos vencimentos dos parlamentares e do presidente da República.

A proposta relativa aos membros do STF teve 41 votos favoráveis, 16 contra, e uma abstenção, após os senadores aprovarem, na tarde de ontem (6), a inclusão do texto na Ordem do Dia de hoje. Já o projeto do salário do procurador-geral da República foi aprovado de forma simbólica pelo plenário.

Compartilhe:

Tags:#News
1
A repercussão dos ataques machistas à jornalista Patrícia Campos Mello
No final da última semana, Hans River do Rio Nascimento foi chamado para prestar depoimento na CPMI das Fake News. …
2
Governo Bolsonaro libera pesca em áreas de conservação ambiental
Uma portaria do Instituto Chico Mendes (ICMBio), órgão vinculado ao Ministério do Meio Ambiente, autorizou a pesca esportiva e amadora …
3
Chuva forte deixa São Paulo debaixo d’água
A chuva que começou ontem não deu sinal de trégua e fez São Paulo amanhecer debaixo d’água nesta segunda-feira, 10. …
4
Coronavírus: aviões da FAB vão retirar brasileiros de Wuhan, na China
Dois aviões da Força Aérea Brasileira (FAB) decolaram nesta quarta-feira, 5, em direção a Wuhan, na China, para retirar os …
5
BBB20: Mulheres decidem o destino de Pétrix Barbosa
A união das mulheres  decidiu o destino de Pétrix não apenas no Big Brother Brasil 20, mas também fora da …
6
Damares Alves: abstinência sexual, protesto e contradição?
Por que este grupo de mulheres deu as costas para a ministra Damares Alves enquanto ela defendia sua política de …
7
Bolsonaro e a demissão do secretário que viajou com jato da FAB
O presidente Jair Bolsonaro anunciou em sua conta no Twitter que vai tornar sem efeito a nomeação de José Vicente …
8
Visibilidade trans: a história de Thais de Azevedo
O que é violência para você? Para Thais de Azevedo essa pergunta resume uma trajetória de vida. Como mulher trans, …