CORONAVÍRUS
Loading...
Últimas notícias e tudo que você precisa saberAtualizando informações
Infectados-
Mortes-
Recuperados-

Motoristas de ônibus aprovam greve para esta sexta-feira em SP

A paralisação terá início a partir da meia noite

Por: Redação
protesto de onibus
Crédito: Paulo Pinto/Fotos PúblicasSindicato faz protestos contra o prefeito Bruno Covas no Viaduto do Chá

Motoristas e cobradores aprovaram no fim da tarde desta quinta-feira, 5, uma paralisação geral do serviço de ônibus na cidade de São Paulo ao longo desta sexta-feira, 6.

A decisão foi tomada pelo Sindicato dos Motoristas e Trabalhadores em Transporte Rodoviário Urbano de São Paulo (Sindmotoristas) após um dia de manifestações nesta quinta, que chegou a fechar 17 terminais e afetou o trânsito da capital paulista.

Durante a assembleia, ficou acordado que o serviço seria retomado nesta quinta com o objetivo de “levar o trabalhador para casa” e que a greve terá início a partir da meia noite.

Segundo o presidente interino do sindicato, Valmir Santana da Paz, ele saiu “entristecido” da reunião com a Secretaria Municipal dos Transportes, pois nenhuma das questões da categoria foi resolvida. “Não vamos deixar trabalhadores perderem seus empregos. Não vamos rodar amanhã”, disse.

O protesto desta quinta foi organizado em repúdio ao que os trabalhadores chamam de “desmonte” do setor, com uma redução de frota, além de cobrar o pagamento relativo à participação nos lucros e resultados (PLR) por parte das empresas. A entidade sindical informou que havia transferência desse dinheiro prevista para esta quinta, o que não teria ocorrido.

De acordo com a CET, o rodízio municipal de veículos está suspenso desde a tarde desta quinta-feira, 5, e permanecerá assim durante toda esta sexta-feira, 6.

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.