Mulher é espancada por dois clientes no Villa Country

Vendedora teve um dente quebrado, tomou seis pontos na boca e está com os olhos roxos

Por: Redação

Tatiany Arci, de 31 anos de idade, foi espancada dentro do Villa Country, na zona oeste de São Paulo (SP), no último domingo, 4.

A vendedora levou socos e puxões de cabelo de dois clientes da casa noturna enquanto procurava uma blusa que tinha esquecido no estabelecimento.

Tatiany Arci
Crédito: Reprodução/Arquivo PessoalTatiany Arci saiu da casa noturna e retornou para procurar uma blusa quando foi espancada

Segundo relato, ela e o namorado tinham ido ao local comemorar com um grupo de amigos e resolveram ir embora por volta das 4h da manhã. Ao se dar conta de que tinha esquecido o casaco dentro da balada, Tatiany retornou para procurar a peça.

Sem se lembrar se esbarrou em alguém ou se pensaram que ela estava tentando furtar algo, ela foi puxada pelo cabelo por uma mulher e depois agredida com socos por um homem, que ela não sabe quem é.

A vítima recebeu ajuda de uma amiga e outras duas mulheres que estavam por perto, mas nenhum segurança estava próximo nem a socorreu no momento da agressão.

“Meu namorado entrou e me viu desfigurada e ficou em choque. Ele gritou, chorou e pediu para que não deixassem quem me bateu sair da casa. Os seguranças disseram que ele estava ‘causando’ e tiraram ele de lá. Eu fiquei com medo de que batessem nele e saí da sala. Isso não é prestar auxílio. Não chamaram ambulância nem a polícia”, disse ela ao “G1”, negando a afirmação do Villa Country, de que os funcionários da casa noturna apartaram a briga.

Com as agressões, a vendedora teve um dente quebrado, tomou seis pontos na boca e está com os olhos inchados e roxos.

tatiany arci
Crédito: Reprodução/Arquivo Pessoal 

Na manhã da última terça-feira, 6, ela foi ao Instituto Médico Legal (IML) para fazer outro exame. O caso foi registrado como lesão corporal e furto no 91º Distrito Policial.

Em nota, o Villa Country afirmou que Tatiany “se envolveu em confusão e foi agredida por outros clientes” e que “foi imediatamente socorrida pela segurança e encaminhada à enfermaria da casa”. “A casa lamenta e repudia qualquer tipo de agressão e desrespeito. Estamos totalmente à disposição da Srta. Tatiany Arcy e empenhados colaborando com as autoridades competentes para esclarecimentos dos fatos.”