CORONAVÍRUS
Tudo o que você precisa saberÚltimas notícias e tudo que você precisa saber

ONU: 137 mulheres são mortas por conhecidos a cada dia no mundo

A África e as Américas são as regiões com o maior risco de mulheres serem mortas por companheiros e familiares

Por: Redação
Ação na praia de Copacabana pelo fim da violência contra a mulher
O documento foi feito pelo Escritório das Nações Unidas contra a Droga e o Crime (Onudd)

Um relatório publicado pelas Nações Unidas neste domingo, 25, mostra que 87 mil mulheres foram vítimas de feminicídio em 2017 em todo o mundo. Deste número, cerca de 50 mil, ou 58% delas, foram assassinadas por conhecidos, como companheiros, ex-maridos ou familiares — ou seja, 137 feminicídios a cada dia.

“No mundo todo, em países ricos e pobres, em regiões desenvolvidas e em desenvolvimento, um total de 50 mil mulheres são assassinadas todo ano por companheiros atuais ou passados, pais, irmãos, mulheres, irmãs e outros parentes, devido ao seu papel e a sua condição de mulheres”, diz o documento “Assassinato de gênero de mulheres e meninas”, feito pelo Escritório das Nações Unidas contra a Droga e o Crime (Onudd).

Segundo o texto, os assassinatos de mulheres por parte de seus companheiros fazem com que o lar seja o “lugar mais perigoso para as mulheres” e “é frequentemente a culminação de uma violência de longa duração e pode ser prevenida”.

A África e as Américas são as regiões com o maior risco de mulheres serem mortas por companheiros e familiares. Na África, são 3,1 vítimas a cada 100 mil mulheres; nas Américas, o número cai para 1,6 vítima. A Oceania tem o índice igual ao mundial, de 1,3 mulher. A Ásia e a Europa têm, respectivamente, 0,9 e 0,7 a cada 100 mil mulheres.

De acordo com a ONU, para enfrentar esse problema é “crucial” envolver os homens na luta contra o feminicídio e “desenvolver normas culturais que se afastem da masculinidade violenta e dos estereótipos de gênero”.

1
‘Na Fila do SUS’ retrata o sucateamento da saúde pública em plena pandemia
 'Na Fila do SUS' é uma websérie em formato original com seis episódios que estreia disponível exclusivamente, na plataforma online …
2
Governo libera uso da cloroquina para pacientes em estado leve da covid-19; classe médica discorda
Após pressão do presidente Jair Bolsonaro, o Ministério da Saúde cedeu e ampliou o  protocolo para uso da cloroquina e …
3
Felipe Neto no Roda Vida: confira os principais momentos do programa
Convidado do Roda Viva, da TV Cultura, na noite desta segunda-feira, 18, o youtuber Felipe Neto afirmou que faz um …
4
Flávio Bolsonaro rebate acusação feita por Paulo Marinho sobre o caso Queiroz
O senador Flávio Bolsonaro rebateu a acusação feita pelo empresário Paulo Marinho em entrevista ao jornal Folha de S. Paulo …
5
Entenda os motivos do pedido de demissão do ministro da Saúde, Nelson Teich
Antes mesmo de completar um mês à frente do Ministério da Saúde, o ministro Nelson Teich pediu demissão do cargo …
6
Guia Negro Entrevista: O que é ser um corpo negro no mundo?
Neste décimo e último episódio da terceira temporada do Guia Negro Entrevista, o programa revisita seu passado para apresentar um …
7
Vídeo da reunião de Bolsonaro com Moro pode incriminar o presidente? Entenda
E não é que a exibição do vídeo da reunião ministerial do dia 22 de abril citado pelo ex-ministro Sergio …
8
3 países que mostraram que é possível conter o coronavírus
Nova Zelândia, Alemanha e Taiwan. O que esses três locais têm em comum? Eles mostraram para o mundo que ações rápidas …