Padre é denunciado por assédio sexual a coroinhas

Caso aconteceu em Araras, interior de São Paulo

Por: Redação

Em Araras, no interior de São Paulo, quatro ex-coroinhas procuraram a Polícia Civil e registraram novas queixas de assédio sexual contra o padre Pedro Leandro Ricardo, na última segunda-feira, 18.

Crédito: Reprodução/YouTubePadre Pedro Leandro Ricardo

Pedro Leandro Ricardo é investigado por suspeitas de abuso, inclusive de menores de idade. Os ex-coroinhas relataram os abusos sofridos ao jornal O Globo.

Um dos ex-coroinhas afirmou que chegou a ter relações sexuais com o padre na casa paroquial, onde o religioso morava em 2002, quando atuava na paróquia São Francisco de Assis.

Stela Bezerra, funcionária pública e transexual, disse ao Globo que foi assediada por ele em 2005, quando tinha 14 anos. Segundo ela, o religioso fez ameaças contra seu irmão, que na época era seminarista, caso ela revelasse o ocorrido. Ela manteve o segredo até agora.

“Ele (padre Leandro) disse que, se eu fosse obediente, teria tudo dele”, disse Stela enquanto contava que o padre a assediava na sala dele, dentro da igreja.

Leia o relato das vítimas aqui.

Compartilhe: