Pastor é preso suspeito de estuprar enteada por 7 anos e engravidá-la

Segundo a polícia, há indícios de que a mãe da menina sabia e era conivente com os abusos

Por: Redação

A Polícia Civil de Goiás prendeu um pastor suspeito de estuprar e engravidar a enteada em Goiânia. O homem, de 57 anos, praticou os abusos durante os últimos sete anos e ameaçava a adolescente caso contasse algo sobre a situação.

O caso só foi descoberto há alguns dias, depois que a mãe da jovem, hoje com 15 anos, desconfiou da gravidez.

Crédito: Divulgação/Polícia CivilPastor é preso suspeito de estuprar a enteada por sete anos e engravidá-la, em Goiânia (GO)

“A mãe percebeu a barriga dela um pouco grande. Ela usava roupas largas, mas, naquele dia, vestiu uma blusinha mais apertada”, disse a delegada Ana Elisa Gomes, da Delegacia de Proteção à Criança e ao Adolescente (DPCA), ao G1.

Em depoimento, a menor afirmou que era abusada desde quando tinha 8 anos e que se sentia ameaçada caso contasse sobre o crime.

De acordo com a delegada, há indícios de que a mãe da menina sabia e era conivente com os abusos. Ela está com 23 semanas de gestação e faz o acompanhamento do pré-natal.

Compartilhe:

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.