Jovem acusado de racismo no Carnaval é demitido e pede desculpas

Informar

Temporal no Rio de Janeiro deixa 4 mortos e causa alagamentos

Das 17h de quarta-feira, 14, às 2h desta quinta, 15, choveu 75% do esperado para todo o mês de fevereiro

Por: Redação | Comunicar erro
O temporal causou alagamentos, interdições e derrubou um trecho da ciclovia Tim Maia

Três pessoas morreram após o temporal que atingiu o Rio de Janeiro na madrugada desta quinta-feira, dia 15.

Em Quintino, um homem e uma mulher estavam em casa quando foram atingidos por um deslizamento. Já em Realengo, um policial militar ia para o trabalho de carro quando uma árvore caiu sobre o veículo e o matou. Um adolescente de 12 anos também morreu em Cascadura.

Das 17h de quarta-feira, dia 14, às 2h desta quinta, dia 15, choveu no Rio de Janeiro 75% do esperado para todo o mês de fevereiro, segundo o Centro de Operações. O temporal causou alagamentos, interdições e derrubou um trecho da ciclovia Tim Maia, na zona oeste.

Depois de cinco horas em estágio de crise, às 5h30 a cidade retornou ao estado de atenção, mas várias vias seguiram interditadas e serviços continuaram suspensos. O BRT tem serviço irregular, enquanto o metrô e os aeroportos Santos Dumont e Tom Jobim funcionam normalmente.

De acordo com o Alerta Rio, não há mais previsão de temporal para esta quinta-feira, mas chuvas de moderada a forte podem voltar a ocorrer.

Desde a madrugada, Barra, Realengo e outros pontos da zona oeste estão sem luz. Além disso, quatro hospitais foram afetados pelo ocorrido: o Hospital Lourenço Jorge, o Hospital Getúlio Vargas, o Hospital Jesus e o Hospital Carlos Chagas.

  • Leia mais:

Enchente: veja ferramentas de alerta e dicas para se proteger

Compartilhe: