Em post, Samara Felippo denuncia machismo e gera polêmica

Mulheres podem ser o que elas quiserem. Mulheres devem ter os mesmos direitos que os homens.  Em post recente no Instagram, a atriz Samara Felippo provocou uma reflexão sobre os brinquedos destinados às meninas – brinquedos estes que, apesar de serem de extrema importância na educação das crianças, são usados pela sociedade (leia-se mercado, indústria) como forma de imposição de padrões, comportamentos e limitações.

Se queremos uma sociedade mais justa e igualitária, precisamos repensar no que oferecemos aos pequenos – seja na escola, dentro de casa, seja numa simples brincadeira. Aos meninos, as marcas impõem carrinhos, armas, espadas, etc. Às meninas, bonecas, cozinha, vassourinha, etc. E isso tudo tem muito significado, tem muito valor.

Foi assim, expondo essa realidade, que Samara foi duramente atacada nas redes sociais. Muitas mães e muitos homens se sentiram ofendidos e fizeram centenas de comentários na foto em que ela publicou, com a seguinte legenda:

Post de Samara Felippo que gerou toda a polêmica.

Por apenas 369,79 vc cria uma excelente doninha de casa!!! Aquela princesinha prendada, que quando crescer já pode casar e que o papai sempre sonhou!!! ????????‍♀️????????‍♀️ (Nem precisa curtir gente…so comenta que tá de boa)

Diante de tantos ataques, a atriz resolveu se manifestar. O post de réplica foi feito há seis horas e já tem mais de 12 mil curtidas no Instagram.

“Jamais julgaria a escolha de uma mulher, mas o fato é que seja dona de casa, engenheira ou astronauta, não deve ser a sociedade que decide isso e sim escolha dela. E ao crescer rodeada de brinquedos desse tipo somos praticamente doutrinadas sem que percebamos” – disse ela.

Samara é mãe de Alícia, de oito anos, e de Lara, de quatro. Desde que se tornou mãe, vem defendendo questões importantes, como a diversidade. Recentemente usou as redes sociais para falar também sobre o processo de aceitação da filha, que tem os cabelos cacheados.

A atriz é mãe de duas meninas e constantemente faz publicações defendendo o empoderamento feminino.

Autora do canal no YouTube Muito Além de Cachos, ela se declara uma mãe em busca de representatividade, e não hesita em expressar sua opinião para ajudar também outras mães a enxergarem a necessidade de se falar em determinados assuntos e promover a mudança e o empoderamento das crianças.

Confira abaixo o post completo:

Fiz um post sarcástico sobre o machismo em torno dos brinquedos infantis. Pra minha profunda tristeza boa parte das mães que muitas vezes disseram que “me admiram”, foram lá, interpretaram da forma padronizada de sempre.
Muitas chegaram até a me ofender. Mães que nem sequer estão abertas ao dialogo e questionamentos.(fora os “hominho” que vão lá dar seus pitacos)
Não costumo ficar justificando posts, mas nesse caso achei necessário. Não entenderam.
Antes de começar, só queria ressaltar que sou FEMINISTA e não entendo como tanta gente que nem sabe das minhas ideologias, nem sabe no que eu acredito e luto, me segue.
Em nenhum momento desmereci o ofício de dona de casa, até porque pra mim é um dos mais difíceis, eu mesma não sei ser.
Jamais julgaria a escolha de uma mulher, mas o fato é que seja dona de casa, engenheira ou astronauta, não deve ser a sociedade que decide isso e sim escolha dela. E ao crescer rodeada de brinquedos desse tipo somos praticamente doutrinadas sem que percebamos.
Sonho em ver cada uma feliz em seu papel, mas histórica e socialmente falando não é isso que vemos.
Meninas NÃO precisam aprender a limpar um chão, varrer uma casa, fazer comida na infância. Elas farão isso adultas se quiserem. Meninos NÃO crescem com a mesma educação.
Meninas precisam de opções, de oportunidade de escolhas, de liberdade e respeito por elas mesmas. Precisam saber que podem governar um mundo se quiserem. Que podem ser mães ou não. Casar ( com quem escolherem) ou não. Ter filhos ou não.
Precisamos quebrar padrões, desconstruir o que achamos que é o “certo”. Essa é a minha única esperança pro um futuro decente.
Esses brinquedos parecem “normais” pra vocês, mas deixam no nosso subconsciente uma educação de repressão e submissão.
Você não precisa concordar. Apenas pesquise e se informe. Não venha com uma opinião agressiva e cristalizada. Se questione, dialogue. Duvide.
Por aqui continuarei na luta pelas minhas filhas e levantando debates como esse e muitos outros nas minhas redes sociais.
Foto da pequena empoderada da mamãe @nayfialho ????????????
Uma mini hulka que morro de amor e minhas heroínas!!! Alícia e Lara (mini Frida) ????
Obrigada!!

Leia mais:

1 / 8
1
02:23
Paulo Guedes diz que renunciará se Previdência virar ‘reforminha’
O ministro Paulo Guedes (Economia) voltou a afirmar que se houver uma mudança muito radical na proposta original da reforma …
2
03:08
XP: Avaliação negativa do governo supera a positiva pela 1ª vez
De acordo com pesquisa da XP/Ipespe divulgada nesta sexta-feira, dia 24, a avaliação negativa do governo do presidente Jair Bolsonaro …
3
01:35
Governo libera o uso de mais 31 agrotóxicos no campo
O Ministério da Agricultura liberou o uso de mais 31 agrotóxicos nas lavouras do país. Entre eles, há produtos que …
4
02:33
Foto de manifestantes nus contra Bolsonaro é falsa
A foto de uma suposta manifestação de pessoas peladas na Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG)  que viralizou nas redes …
5
01:37
Lobão rompe com Bolsonaro: “Esse cara não me representa”
Em entrevista ao jornal Folha de S.Paulo, o cantor e compositor Lobão falou sobre sua decepção com Jair Bolsonaro e …
6
01:33
Milícias digitais perseguem MBL após críticas a Bolsonaro
O MBL (Movimento Brasil Livre) deixou de ser aliado para se tornar o novo alvo das milícias digitais pró-Bolsonaro. O …
7
03:41
Manifestação releva descompasso entre o Bolsonaro e a direita
A manifestação marcada para o próximo domingo, dia 26, aparentemente, gerou um desequilíbrio entre os grupos de direita apoiadores do …
8
01:29
Barragem da Vale em Barão de Cocais pode romper a qualquer hora
A barragem da mina do Gongo Soco, localizada em Barão de Cocais, em Minas Gerais pode romper a qualquer momento. …