Hitler queria que essas fotos fossem destruídas

Por: Redação

Era apenas para ser um pequeno ensaio que captasse os gestos de Adolf Hitler que “mais funcionavam”. Mas o autor dessas imagens ignorou a ordem do jovem político de eliminá-las e as guardou, para publicá-las mais tarde em sua biografia.

Hitler achava que essas fotografias eram desconcertantes, e por isso queria que elas fossem destruídas, por estarem “abaixo da dignidade humana”.

As fotos foram tiradas em 1925, quando Hitler tinha acabado de sair da prisão, depois de sua tentativa de dar um golpe de estado em Munique, na Alemanha. Naquela época, ele já demonstrava seu grande talento como orador, e por isso pediu ao seu fotógrafo e amigo Heinrich Hoffman que fotografasse seus gestos de oratória mais marcantes e poderosos.

Em vez de destruir as fotos, Hoffman as guardou em seu estúdio e as publicou em 1955, em sua biografia intitulada “Hitler Era Meu Amigo”. Confira as imagens:

Fotos foram publicadas na biografia “Hitler era meu amigo”
Fotos foram publicadas na biografia “Hitler era meu amigo”
Fotos foram publicadas na biografia “Hitler era meu amigo”
Fotos foram publicadas na biografia “Hitler era meu amigo”
Fotos foram publicadas na biografia “Hitler era meu amigo”
Fotos foram publicadas na biografia “Hitler era meu amigo”
Fotos foram publicadas na biografia “Hitler era meu amigo”
Fotos foram publicadas na biografia “Hitler era meu amigo”

Compartilhe: