Curta SP: conheça feiras livres e mercados de pulgas da cidade

Existem feiras de antiguidades, de artesanato e até aquelas que exploram outras culturas

A cidade de São Paulo tem um milhão de coisas para se fazer. Há uma série de passeios ao ar livre para aproveitar cada cantinho da selva da pedra. Pensando nisso, a Catraca Livre resolveu listar uma série de feiras e mercados de pulgas para explorar na cidade.

Feira de Antiguidades do Bixiga
Crédito: Gabrielle Idealli - Flickr - Creative CommonsSão Paulo está cheia de feirinhas, como a do Bixiga

Existem opções para todo mundo: feiras de antiguidades, de artesanatos e até feiras que exploram outras culturas! É só se jogar e curtir.

Que tal se aventurar por essa SP diferentona?

  • 1. Um pedaço da Bolívia no Centro de SP

    Feira Boliviana da Kantuta
    Aos domingos, das 11h às 19h
    Rua Pedro Vicente, 625 – Praça Kantuta – Pari

    Quem ama conhecer novas culturas não pode perder a oportunidade de visitar a Feira Boliviana da Kantuta, no Pari. Todo domingo, das 11h às 19h, você pode encontrar comidas, como saltenhas e lechón (porco cozido, banana da terra e batatas doce e salgada),  e artesanatos típicos, como bolsas e ponchos. Ainda tem uma série de barracas que fazem corte de cabelo. Embora seja pequena, a feira é bem colorida e serve como ponto de encontro para os cerca de 100 mil bolivianos que vivem na cidade, de acordo com o Consulado da Bolívia.

    Quem quiser visitar também pode assistir as apresentações de danças típicas que começam por volta das 15h. A feira fica perto da estação Armênia, da Linha Azul do Metrô.

  • 2. Leste Europeu na Zona Leste

    Feira Cultural Leste Europeia de São Paulo
    Acontece mensalmente aos domingos, das 10h às 17h
    Rua Aracati Mirim, 115 – Jardim Avelino

    Uma vez por mês, em um domingo, o Leste Europeu domina o Parque Ecológico da Vila Prudente. Na Feira Cultural Leste Europeia de São Paulo, os visitantes encontram barracas de imigrantes e descendentes com iguarias e artesanatos típicos de países como Rússia, Lituânia, Ucrânia, Polônia, Bulgária, Romênia, Eslováquia e Armênia.

    O local está repleto de matrioshkas russas, porcelanas ucranianas, maquetaria da Bulgária, arte em madeira e tecido da Eslováquia, arte em couro da Romênia, além de peças feitas à mão por membros da Amoviza (Associação dos Moradores do Bairro de Vila Zelina), organizadora do evento. A primeira edição do evento aconteceu em 2011.

  • 3. Onde Brasil e Oriente se encontram

    Feirinha da Liberdade
    Aos sábados e domingos, das 9h às 17h
    Avenida da Liberdade, 365 – Liberdade

    Pertinho da estação Liberdade, da Linha Azul do Metrô, fica o bairro mais oriental de São Paulo. Com seus jardins japoneses e luminárias características, o distrito da Liberdade está cheio de encantos.

    Aos sábados e domingos, das 9h às 17h, acontece a famosa feirinha que mistura cultura oriente e ocidente. Os visitantes podem se deliciar com comidas típicas, como yakssoba, guioza e bolinhos de peixe, ou explorar as barracas de artesanato. Existem comerciantes vendendo máscaras, bolsas, bijuterias, objetos para decoração… Tem de tudo!

  • 4. Feira de artesanato em Pinheiros

    Arte na Praça Omaguás
    Todos os domingos, das 10h às 17h
    Avenida Pedroso de Morais, 900 – Praça dos Omaguás – Pinheiros

    Desde 2002, todos os domingos, a Praça dos Omáguás, em Pinheiros, recebe uma feira de artesanato. Diversos produtores se unem para apresentar suas criações, transformando o local em um espaço de convivência que abriga diversas manifestações. Durante os encontros, também rolam diversos shows.

  • 5. Feira de artesanato na Lapa

    Praça Cornélia- Feira de Artesanato, Antiguidade e Comida Típica
    Todos os sábados
    Rua Clélia, 900 – Praça Cornélia – Lapa

    A Lapa também tem uma feirinha de artesanatos e antiguidades. Todos os sábados, a Praça Cornélia fica cheia de barraquinhas com os mais diversos produtos. Tem bordados, objetos de madeira, artesanato com pallets e muito mais. E para animar mais as tardes, costumam acontecer apresentações teatrais.

  • 6. Artesanatos no Ipiranga

    Feirinha do Ipiranga
    Aos domingos, das 9h às 17h
    Rua dos Patriotas (entre Avenida Nazareth e Rua Bom Pastor)

    O Ipiranga também tem uma feira de artesanatos e guloseimas aos domingos. Os visitantes encontram objetos feitos em meia de seda, colares de pedras, chaveiros, bonecas de pano, blusas e tapetes em crochê, brinquedos de madeira, bijuteiras e muito mais.

    Para a alimentação estão destinadas  32 barracas com comida italiana, lanches naturais, pastéis e doces.

  • 7. Antiguidades na Praça Benedito Calixto

    Feira de Artes, Cultura e Lazer da Benedito Calixto
    Todos os sábados, das 9h às 19h
    Praça Benedito Calixto – Pinheiros

    A tradicional feirinha acontece desde 1987. Além das diversas barracas vendendo antiguidades, quem for na feira pode se deliciar com as comidinhas e cervejas. Tem pastel, doces mineiros e um montão de guloseimas.

    Duas vezes por mês, acontece o projeto Autor na Praça no espaço de apresentações Plínio Marcos, em que os autores lançam de seus livros enquanto batem um papo descontraído com os frequentadores. E para os amantes de música, entre às 14h30 e às 18h30, Canário e seu Regional comandam o chorinho no ambiente.

  • 8. Antiguidades em um dos vãos livres mais famosos do mundo

    Feira do MASP
    Todos os domingos, das 10h às 17h
    Vão livre do MASP – Avenida Paulista, 1578 – Bela Vista

    Aos domingos, o vão livre do MASP é ocupado por uma feira de antiguidades. Considerada um paraíso para os colecionadores, a feirinha oferece diversos produtos: câmeras fotográficas e canetas antigas, porcelanas e cristais, brinquedos, artigos náuticos, bonecas, miniaturas, joias,moedas, relógios, botões, selos e muito mais. É o lugar da nostalgia. Quem organiza o evento é a Associação de Antiquários do Estado de São Paulo.

  • 9. Antiguidades no Bixiga

    Feira no Bixiga
    Todos os domingos, das 9h às 18h
    Praça Dom Orione, s/ nº – Bela Vista

    Desde 1984, o tradicional bairro das cantinas recebe uma feira de antiguidades organizada pela Associação dos Antiquários da Feira do Bixiga. Todos os domingos, das 9h às 18h, a Praça Dom Orione recebe diversas barracas com móveis de época, LPs, roupas, revistas antigas, brinquedos e pratarias.

    Para quem ama moda, na feira é possível encontrar peças de ves Saint Laurent, Ted Lapidus, Christian Dior, Kay Unger e Arman – tudo com preço moderado. Além disso, os visitantes se deparam com chapéis de vinil, bolsas e óculos escuros de marcas como Khanh, Nina Ricci, Emmanuelle e Balenciaga.

Compartilhe: