Bike Anjo oferece aulas para ciclistas iniciantes e para quem quer cooperar com a mobilidade urbana

Projeto prova que nunca é tarde para começar a se equilibrar sobre duas rodas

“Não dá para descrever como é aprender algo, a fazer algo que você queria muito, mas achava que nunca conseguiria. É assim que a assistente administrativa Márcia Valéria Sica, de 43 anos, tenta explicar o sentimento de ter virado uma ciclista, um ano e meio atrás. Quando criança, ela era mais do tipo estudiosa e caseira e, por isso, acabou sem ter muitas oportunidades de andar de bicicleta com os amigos. Mas não perdeu a vontade de fazê-lo depois de adulta. “Num domingo, li no jornal um texto sobre o Bike Anjo e pensei ‘se esse pessoal consegue, também consigo’.”

O instrutor Javert ensina seus alunos como seu pai o ensinou, na infância
Crédito: upslonO instrutor Javert ensina seus alunos como seu pai o ensinou, na infância
Ciclista novata, Márcia se prepara para comprar sua primeira magrela
Crédito: Bike Anjo BHCiclista novata, Márcia se prepara para comprar sua primeira magrela
O projeto nasceu em SP e se espalhou pelo Brasil
Crédito: Bike Anjo BHO projeto nasceu em SP e se espalhou pelo Brasil

O Bike Anjo foi criado em São Paulo, em 2010, quando um grupo de voluntários decidiu ensinar outras pessoas a andar de bicicleta. A ideia conquistou instrutores e aprendizes em outras cidades, como Recife, Brasília e Belo Horizonte.

Foi na capital mineira que Márcia encontrou o seu próprio anjo, Javert Denilson Bastos, de 47 anos. A estratégia do instrutor replica o modo como seu pai o ensinou, na infância. “O processo de aprendizado pode demorar mais ou menos, dependendo da pessoa, mas garanto que todos que persistem podem pedalar sem medo”, conta ele.

Em BH, os encontros da Escola Bike Anjo BH (EBA) são realizados sempre no último domingo de cada mês, na Praça do Ciclista, das 14h às 18h. A programação de todas as capitais pode ser acompanhada na página oficial do projeto no Facebook.

Além de ensinar a pedalar, o Bike Anjo tem debatido questões ligadas ao ciclismo e à mobilidade urbana, por meio de oficinas de capacitação.

Para Márcia, ao aprender a pedalar, as pessoas desenvolvem um novo olhar para o local onde vive “Surge uma relação nova com a cidade e com outras pessoas. Conheci muita gente graças ao projeto”, explica a ciclista estreante, que agora pretende comprar seu primeiro modelo de bicicleta. Também para essa escolha, ela conta com o apoio dos bike anjos e afirma que o novo hábito veio pra ficar. “Agora que aprendi, quero praticar todos os dias”, conclui.

Preencha um formulário para pedir seu Bike Anjo. Em seguida, assista a um vídeo sobre o projeto em BH:

Compartilhe:

1 / 8
1
01:46
Os erros de português mais absurdos do governo Bolsonaro
A língua portuguesa não é bem o forte da gestão Bolsonaro. Vários nomes importantes do governo já escorregaram no idioma …
2
30s
Onde ou Aonde?
Responda rápido: "Onde você quer ir jantar?" ou "Aonde você quer ir jantar?". Qual a resposta correta.
3
34s
Use “anexo” corretamente
Na hora de enviar um e-mail corporativo, você sabe como escrevê-lo corretamente?
4
34s
Senão ou se não?
Aprenda quando usar o "senão" ou "se não".
5
33s
Presente do Subjuntivo
Aprenda a usar corretamente o Presente do Subjuntivo.
6
02:13
O estilista que ensina de crochê em penitenciária masculina
O projeto Ponto Firme, criado pelo estilista Gustavo Silvestre, tem como objetivo transformar a vida de detentos de uma penitenciária …
7
01:47
Como se apaixonar por Bach – Lição 10
Curso "Como se apaixonar por Bach", com o maestro e pianista João Carlos Martins.
8
01:48
Como se apaixonar por Bach – Lição 9
Curso "Como se apaixonar por Bach", com o maestro e pianista João Carlos Martins.