Bolsas de estudo na China, confira oportunidades

Um dos países mais ricos do mundo, a China propicia um intercâmbio cultural para jovens e adultos que querem vivenciar uma nova aventura

Por: Redação

Se você é estudante universitário e adoraria embarcar num avião e cruzar o mundo para se aventurar num país de cultura ímpar, uma bolsa de estudo na China pode ser sua grande solução.

Mais de um bilhão de mentes contribuindo, direta ou indiretamente, para o crescimento do país que mais se desenvolveu desde o início do século 21. A China, uma das maiores economias do mundo, já está no percurso de alunos e professores que estão em busca de ampliar os conhecimentos.

área comercial de Xangai, na China
Crédito: IStock/chuyuÁrea comercial de Xangai, na China

Pensando nisso, a Catraca Livre indica a você programas de bolsas de estudo na China que promovem o intercâmbio cultural entre brasileiros e chineses. Confira:

Chinese School Council

O governo chinês oferece diversas bolsas de estudo para estudantes estrangeiros pelo programa Chinese School Council. Os alunos interessados ​​em iniciar sua próxima jornada acadêmica de nível superior (bacharelado, mestrado e/ou doutorado) podem se inscrever em diferentes universidades chinesas.

É importante lembrar que para cursar uma universidade chinesa é necessário ter proficiência no inglês (comprovada com TOEFL ou similar) se o curso for nos departamentos internacionais ou no mandarim se o curso for ministrado no idioma.

Acesse o site do Chinese School Council e saiba mais.

Programa Schwarzman Scholars

O programa Schwarzman Scholars oferece bolsas de estudo integrais na China para cursos de mestrado na Universidade de Tsinghua, localizada em Pequim e considerada uma das melhores universidades entre os países emergentes.

Entrada da universidade de Tsinghua, na China
Crédito: IStock/kool99Entrada da universidade de Tsinghua, na China

O mestrado tem a duração de um ano e é possível escolher entre três áreas de estudo: Políticas Públicas, Economia e Negócios, e Estudos Internacionais. Não é necessário ter formação prévia em nenhuma dessas áreas para concorrer, nem dominar mandarim, numa vez que todas as aulas são em inglês.

As bolsas de estudo cobrem todos os custos do mestrado e incluem também passagens áreas para a China, moradia, alimentação, seguro-saúde, um computador pessoal e uma quantia mensal para gastos pessoais de U$ 4.000. Todos os aprovados deverão morar no campus universitário de Tsinghua.

Programa TOP China

O Santander Universidades promove anualmente o programa de bolsa de estudos TOP China. Cada nova edição facilita o intercâmbio de estudantes e professores de universidades chinesas, que viajam para o Brasil, e de universitários brasileiros que, por sua vez, visitam a China.

Todos os anos  programa reúne 36 universitários e 10 professores chineses no Brasil, de nove das melhores universidades chinesas, e 12 universitários e sei professores de cinco universidades brasileiras.

Antigos palácios em Pequim, na China
Crédito: IStock/zhaojiankangAntigos palácios em Pequim, na China

Para participar da seleção, é preciso se registrar no site do Santander Universidades. Os pedidos serão encaminhados para as 20 universidades brasileiras que participam do Top China. Elas ficarão encarregadas  de selecionar os 100 universitários beneficiados com três semanas de curso na Peking University e Shanghai Jiao Tong.

Jamil Hannouche, diretor do Santander Universidades Brasil, acredita na contribuição que a experiência internacional pode trazer à formação dos novos profissionais.

“Buscamos, cada vez mais, promover experiências inéditas na vida desses estudantes, com o objetivo de apoiá-los na sua formação, e com isso, contribuímos com profissionais mais experientes e mais capacitados”, ressalta Hannpuche

Você também pode conseguir mais informações na fanpage do Santander.

1
48:28
ENEM! Aulão de história na Catraca
Em ritmo de Enem, a Catraca Live, em parceria com a SAS plataforma de Educação, realizou uma série de Lives …
2
59:42
ENEM! Aulão de português na Catraca
Em ritmo de Enem, a Catraca Live, em parceria com a SAS plataforma de Educação, realizou uma série de Lives …
3
47:47
ENEM! Aulão de matemática na Catraca
Em ritmo de Enem, a Catraca Live, em parceria com a SAS plataforma de Educação, realizou uma série de Lives …
4
04:21
Weintraub usa o MEC para tentar tirar verbete da Wikipédia do ar
Uma matéria publicada pelo jornal Folha de S. Paulo mostra que o ministro da Educação, Abraham Weintraub, usou o peso …
5
01:46
Os erros de português mais absurdos do governo Bolsonaro
A língua portuguesa não é bem o forte da gestão Bolsonaro. Vários nomes importantes do governo já escorregaram no idioma …
6
02:13
O estilista que ensina de crochê em penitenciária masculina
O projeto Ponto Firme, criado pelo estilista Gustavo Silvestre, tem como objetivo transformar a vida de detentos de uma penitenciária …
7
03:24
1ª diretora trans de uma escola pública em São Paulo
Paula Beatriz de Souza é a 1ª diretora trans de uma escola pública em Sã Paulo. Ela superou preconceitos para …
8
27s
Maior Sarau do Mundo – Fabio Marabesi
Participe você também do projeto do Catraca Livre que quer montar o maior sarau virtual do mundo. Clique aqui e …