Danilo Gentili diz que não está errado e que prefere ser preso

Declaração foi dada à Radio Jovem Pan logo após o humorista saber da condenação

Por: Redação

Danilo Gentili  afirmou, nesta quarta-feira,10, em entrevista à Radio Jovem Pan que: “ainda que eu vá preso, eu prefiro ir preso a me ajoelhar para a patrulha”, após saber da notícia de sua condenação a 6 meses e 28 dias de prisão por ter praticado o crime de injúria contra a deputada federal Maria do Rosário (PT-RS).

Crédito: Reprodução/Instagram‘Prefiro ir preso que me ajoelhar para patrulha’, diz Danilo Gentili

Em entrevista exclusiva ao programa “Os Pingos nos Is”, o apresentador reafirmou que não fez nada de errado e que vai continuar seu trabalho como humorista.

“Ainda que por acaso, a gente está no Brasil, nunca se sabe o que vai acontecer, ainda que por acaso não caiba recurso ou o recurso seja negado e eu vá preso, eu prefiro ir preso que me ajoelhar para patrulha. Eu vou estar sempre fazendo o que estou fazendo, porque eu não acho que fiz nada de errado. Acho que, às vezes, é uma obrigação desrespeitar a patrulha e o autoritarismo onde quer que ele esteja”, afirmou.

Danilo Gentili depois de insinuar que a deputada merecia ser estuprada, disse também que a condenação mostra autoritarismo da classe política. “Essa classe política é autoritária e usa a máquina estatal para esmagar o cidadão”, disse. “Eles falam o que querem, quando a gente responde, é condenado à prisão”, completou.

Compartilhe: