Galvão pede cadeirante de pé durante execução de hino nacional

Por: Redação

Após a vitória do jamaicano Usain Bolt na noite desta quinta-feira, 18, o narrador Galvão Bueno pediu que o humorista Marcelo Adnet, convidado especial do programa, cantasse o hino da terra-natal do atleta.

“Todos em pé, por favor, que nós vamos ouvir com muito respeito o hino da Jamaica”, disse Galvão. Só que ele se esqueceu de um detalhe: entre os presentes, também estavam o atleta paraolímpico Fernando Fernandes, em sua cadeira de rodas, e Lars Grael, comentarista que teve a perna amputada e anda com a ajuda de uma muleta.

Logo em seguida, ele percebeu a gafe, que foi comentada por Fernando em tom de brincadeira. “Deixa eu ficar sentado”, brincou. Veja o vídeo:

https://twitter.com/hesscalque/status/766457857441234944

https://twitter.com/jonnyken/status/766453685866078208

Compartilhe: