CORONAVÍRUS
Loading...
Últimas notícias e tudo que você precisa saberAtualizando informações
Infectados-
Mortes-
Recuperados-

Justiça favorece família de Gugu e nega pedidos de Rose, sua esposa

Foi confirmada a veracidade do testamento deixado pelo apresentador, excluindo a viúva dos direitos à herança

Por: Redação

Nesta quinta-feira, 27, a Justiça de São Paulo confirmou, pela segunda vez, a veracidade do testamento deixado pelo apresentador Gugu Liberato, que morreu em novembro de 2019, nos EUA, em um acidente doméstico. A informação foi publicada pela coluna de Ricardo Feltrín, no UOL.

Essa é uma segunda vitória da família materna de Gugu sobre a esposa do apresentador, a médica Rose Miriam di Mateo, que também é mãe dos filhos de Gugu. A viúva ficou de fora do testamento deixado por ele. A defesa de Rose irá recorrer.

Suposto namorado de Gugu desabafa: ‘Tá difícil, Toninho’

gugu
Crédito: Reprodução/Record TVJustiça favorece família de Gugu e nega pedidos de Rose, sua esposa, na divisão da herança

Previstos no testamento assinado e lavrado em 2011, os direitos dos herdeiros foram reafirmados pelo Tribunal de Justiça. De acordo com o documento, os três filhos de Gugu ficarão com a maior parte da herança, sendo que o restante será dividido entre seus sobrinhos. A mãe, dona Maria do Céu, terá uma pensão vitalícia.

A Justiça negou novamente o bloqueio dos bens do inventário e manteve Aparecida Liberato, irmã de Gugu, como inventariante e curadora das filhas menores Marina e Sofia. Gugu tem ainda um terceiro filho mais velho, João Augusto, 18.

Quem tomou a decisão foi o desembargador Galdino Toledo, que identificou também o conflito de interesses entre a mãe e seus filhos porque, para Toledo, ela reclama a parte dos filhos na herança.

Compartilhe:

Tags:#Record
Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.