Últimas notícias:

Loading...

Cozinheiros e amantes da gastronomia abrem suas casas

Por: Catraca Livre

Sair de casa para jantar na casa de alguém que você não conhece lhe parece um convite interessante? Uma tendência tem se espalhado pelo mundo: Chefs, cozinheiros e amantes da gastronomia abrem suas casas para experiências exclusivas. No Brasil estes encontros tem se espalhado e os lugares são os mais inusitados, para todos os gostos.

A plataforma de entretenimento gastronômico Foodpass traz o projeto “Mi Casa Su Casa” com uma variedade de experiências.  O objetivo é conectar pessoas que amam novas experiências gastronômicas com anfitriões que adoram cozinhar e receber as pessoas em casa promovendo refeições exclusivas  e contato com diferentes culturas. Confira um pouco mais sobre cada anfitrião.

 

Parahaus

Maurizio Mancioli – empresário, artista visual, performer, escritor e manda muuuito na cozinha – e da designer Lillian Vidigal, que agita a cena cultural e gastronômica paulistana. O casal acredita ter um ‘chamado’: encher o mundo de arte, conectar gente interessante e diferente, disseminar beleza, provocar reflexões, inspirar a criatividade, movimentar a economia, quebrar paradigmas e criar experiências marcantes, sempre em torno de boa comida, bons drinks e boa música.

Crédito: Stepan norair chahinian 
Crédito: Stepan norair chahinian 

Jantar no Centro

Reunir pequenos grupos para jantar em um charmoso apartamento de um prédio histórico no Centro da cidade. Essa é a proposta do Jantar no Centro, projeto da jornalista especializada em gastronomia e cozinheira Dani Borges, anfitriã da noite e responsável pelo cardápio. O endereço, secreto, só é revelado após a reserva. Em sua próxima edição, ela apresenta um menu com três entradas, prato principal e sobremesa e se inspiram na cozinha de Hanói – trazendo muito do que há também na comida de rua, que faz da cidade tão famosa.

Quintal da Carol

Um prédio singelo em Perdizes é o endereço da anfitriã Carol Misorelli, chamado carinhosamente de “Quintal da Carol”. Junto a Marco Rodrigues, ela recebe na sua charmosa cobertura com clima de jardim e oferece um menu elaborado com ingredientes plantados ou fabricados com carinho. A culinária é um refúgio em que delícias são compartilhadas em um ritmo mais amigável.

Casa Japuanga

Uma casa que, em dado momento, seus moradores originários resolveram fazer experiências sobre suas habilidades, interesses e conhecimentos, e compartilhar com as pessoas.
Na Casa Japuanga  as pessoas moram, as pessoas trabalham, as pessoas convivem, se conhecem, se reconhecem… e compartilham das experiências.  Sinta-se como se estivesse na sua casa. Na próxima edição a casa recebe a cantora Fernanda de Paula e a pianista Júlia Tygel, para apresentação do novo show intitulado Mares de Minas. Da cozinha, Mario Leo, cozinheiro argentino e morador da casa, fã do drinque Fernet Cola, apresenta um menu especial.

Jantar Secretro

Um lugar original, um menu desconhecido, uma mesa coletiva. Os anfitriões Gustavo Rigueiral, chef de cozinha do catering Chef à Porter e a jornalista gastronômica Larissa Januário vem para tirar você da mesmice com o Jantar Secreto. Não, ele não é um restaurante. A começar que não há um cardápio fixo. Você só descobre o que vai comer na hora, quando o prato chega à mesa e é apresentado pessoalmente pelo chef. O endereço também só é revelado na véspera do evento.

Casa do Fogo

Natalia Mallo e Ramiro Murillo, amigos artistas apaixonados pelo fogão, criaram a Casa Fogo, um projeto que oferece gastronomia e música em espaços íntimos. A ideia é cozinhar com amor e comer demoradamente na casa de amigos e parceiros apreciando a gentileza, a calma e as novas amizades. Tudo termina em show, às vezes em festa.

Moqueca do Tutu

Moqueca do Tutu vai reunir gastronomia e música, harmonizando uma moqueca de peixe bem caseira com uma trilha sonora brasileira que acaba na pista de dança do Dj e pesquisador musical Tutu Moraes, da Festa do Santo Forte. O evento, que é itinerante, sempre num lugar inusitado.

Churrasco ao Leo

Com passagens por cozinhas em NY, Argentina, Uruguai e entre casas paulistas emblemáticas como o Spot, Gero, Ritz, Martín Fierro e o grupo Chez – Leo Botto tem uma ligação visceral com a natureza. Esta é a origem da sua culinária, que respeita a terra, as estações e a origem dos produtos e a forma de tratá-los (com simplicidade, precisão e criatividade) até chegarem ao prato com o máximo de sabor. Ele vai preparar um churrasco democrático que reúne os amigos para esse ritual de celebração e festa.

Crédito: Stepan norair chahinian 

Programação “Mi Casa Su Casa”

08.12 – Quintal da Carol

09.12 – Casa Japuanga

09 e 10.12 – Jantar no Centro

09 e 10.12 – Jantar Secreto

10.12 – Casa do Fogo

10.12 – Moqueca do Tutu

18.12 – Churrasco ao Leo

Ingressos no Foodpass.

Compartilhe:

Tags: #Restaurante