Não é mais possível ver a casa do prefeito de São Paulo, João Doria (PSDB), pelo Google Maps. Isso porque a Prefeitura de São Paulo pediu para a ferramenta de mapeamento por satélite desfocar as imagens da residência localizada no Jardim Europa, zona oeste da capital paulista.

A solicitação foi feita pela Assessoria Policial Militar, órgão do gabinete responsável pela segurança do prefeito. No entanto, pelo Google Earth, site que traz imagens aéreas de cidades em todo o mundo, dá para ter acesso a um modelo tridimensional da construção.

Créditos: Reprodução / Google Maps

Nas imagens, é possível ver o muro da casa totalmente desfocado pela ferramenta

Nos últimos meses, a casa de Doria tem recebido uma série de protestos. Em julho, durante uma manifestação do grupo "Levante Popular da Juventude", o muro do local foi pichado com a frase "SP não está à venda". Um estudante foi detido por suspeita de ser autor da mensagem e recebeu uma multa de R$ 5 mil da Prefeitura Regional de Pinheiros.

Após o ato, o prefeito disse que os manifestantes teriam ameaçado agredir seus seguranças. Naquele mesmo dia, a parede da residência foi pintada pelo Movimento Brasil Livre (MBL).

Segundo levantamento da "Folha de S.Paulo", a casa de Doria está entre as dez maiores da cidade.

Veja o conteúdo na íntegra.

  • Leia mais:

Em 32 anos, Doria é o prefeito que menos envia projetos à Camara