Divulgação

Créditos: Divulgação

Artesã dá dicas sobre como potencializar seu perfil na web

É raro o dia em que a artesã Veronica Kraemer, 43 anos, não receba um e-mail de alguma fã contando que fez uma peça inspirada em suas aulas na internet. “Vero”, como é chamada, é psicóloga por formação e “criadora de arte” por paixão.

Há 15 anos dona do Além da Rua Atelier, na zona oeste de São Paulo, ela diz que chora quando vê as fotos dos artesanatos feitos pelas fãs a partir do que ensinou. “Tenho me dedicado fortemente às mídias sociais desde a criação do meu blog, em 2007. Estou nesses canais porque preciso divulgar meu trabalho e também vender: 70% do meu faturamento vem de clientes que me acharam nas mídias sociais. Mas também gosto de compartilhar o que sei fazer, tanto que algumas pessoas me chamam de rainha do passo a passo na internet, especialmente de trabalhos com mosaico e reciclagem”, conta.

1/7

 

Confira as etapas desta linda estante.

2/7

 

3/7

 

4/7

 

5/7

 

6/7

 

7/7

 

  •  

    1/7

    Confira as etapas desta linda estante.

  •  

    2/7

  •  

    3/7

  •  

    4/7

  •  

    5/7

  •  

    6/7

  •  

    7/7

Só a página do Além da Rua Atelier no Facebook tem quase 60 mil curtidas. Seus perfis no Twitter, Instagram, YouTube e Flickr também têm boa performance. “Minha presença na internet é fruto do meu suor. Conheço gente que tem milhares de seguidores a mais do que eu, mas que nem se relaciona direito com as pessoas online. E eu adoro interagir intensamente com os meus seguidores”, explica.

Em meio a suas postagens no Facebook sobre artesanato, Vero posta conteúdos que vão entretendo sua audiência. Se ela foi conhecer um templo budista nos arredores da capital paulista, em seguida já está postada a dica de passeio. E o YouTube está virando um vício. Se ela decide reformar um móvel da própria casa, imediatamente liga a câmera para filmar a transformação da peça. Depois posta e espera pra ver.

Alguns conteúdos têm mais de 200 mil visualizações: “As pessoas amam meus vídeos caseiros. Tem gente que dá risada comigo. Sou na internet do mesmo jeito que no mundo aqui fora. Não imito nem copio ninguém. Acho que autenticidade atrai seguidores e fãs que viram seus eternos clientes”.

Além dos tutoriais que publica gratuitamente nas mídias sociais, Vero recebe alunos pagantes em seu atelier: “A maioria chega porque me achou na internet ou foi indicada por alguém que me acompanha na web. É por isso que minhas mídias sociais são como filhos que eu tenho. É coisa séria. É o meu trabalho e o meu amor que estão ali. Não consigo nem imaginar como teria sido minha vida sem investir nesses canais”.

1/5

 

2/5

 

3/5

 

4/5

 

5/5

 

  •  

    1/5

  •  

    2/5

  •  

    3/5

  •  

    4/5

  •  

    5/5

Entre as dicas da Vero para se sair bem nas mídias sociais, estão:

# Você é bom no que faz? Então explore isso, mas procure também se relacionar e fazer parcerias com as pessoas na internet.

# Não imite ninguém. Quem perde a originalidade não se destaca.

# Tenha uma atuação que ajude as pessoas a melhorarem em algo, a se aprimorarem.

#Faça cursos: “Eu tive quem me ajudasse a mexer nas mídias sociais, mas você pode não ter essa ajuda. Não dá para seu empreendimento ficar longe da internet, esse é o caminho. Por estar nas mídias sociais, conheci pessoas que jamais passariam na frente do meu negócio. Se você vai ficar esperando que alguém bata à sua porta, está perdendo tempo.”

Gostou das dicas? Então aproveite para investir no aprendizado! A Tyngu, plataforma com 85 cursos online de Marketing Digital para negócios, é parceira do Catraca Livre. Adquira sete dias de acesso gratuito, seguidos de 15% de desconto com o código promocional "catraca15"!

Imagem Autor

A Tyngu é uma plataforma de cursos online, que ensina as habilidades necessárias para empreendedores, profissionais, empresas de qualquer tamanho e times de vendas serem bem sucedidos na era do marketing digital. Ótima oportunidade para aprender, investindo muito pouco e com um modelo inovador de aprendizagem.

+ posts do autor

Rede Catraca Livre

Este conteúdo - assim como as respectivas imagens, vídeos e áudios - é de responsabilidade do usuário da Rede Catraca.

O Catraca Livre disponibiliza espaço no site para que qualquer interessado possa contribuir com cidades mais acolhedoras, educadas e criativas, sempre respeitando a diversidade de opiniões.

As informações acima são de responsabilidade do autor e estão sujeitas a alterações sem aviso prévio.