Janeiro, 30° graus - sensação térmica de 35º. O ar condicionado não dá conta do recado. Você na frente do computador, suando em bicas. A gola da camisa incomoda e a calça gruda nas pernas. Essa é uma sensação comum para quem trabalha durante o verão brasileiro.

Diego Torres

Créditos: Diego Torres

Homens da equipe do Catraca Livre de bermuda

A verdade é que vivemos em um país tropical, mas as roupas no trabalho lembram o clima temperado europeu. Basta ver as camisas sociais marcadas pelo suor, os ternos pretos castigados pelo sol e os rostos vermelhos de calor nas ruas das cidades.

São poucas as empresas que permitem o uso de bermuda, por exemplo. Somente em áreas de tecnologia e comunicação que essa realidade começou a mudar. Nas empresas tradicionais, o sonho de trajes leves ainda parece distante.

Aqui no Catraca Livre, o uso de bermudas é liberado e os homens da redação agradecem. Um alívio para o forte calor de janeiro.

Normalmente as mulheres têm um padrão menos rígido de vestimenta, podendo usar roupas mais leves, como saias e vestidos. Já os homens têm que usar calças, ternos, gravatas e camisas sociais.

Vagas

Aliás, temos vagas abertas para assistente de comunicação e assistente comercial e duas vagas para estagiário em Agenda São Paulo. Participe.

E na sua empresa, é permitido trabalhar de bermuda?