Publicidade

Informar

5 coisas para não deixar de fazer ao entrar num relacionamento

Texto escrito por Márcio Câmara e publicado no Superela

...
Publicidade

Por medo de perder o que demorou tanto para conseguir, você se torna refém de si mesma ao fazer coisas que não queria fazer. Você conhece essa história?

Mais segura no relacionamento

Depois de muito tempo sem ter um relacionamento, eis que você começou a namorar. Entre tantas coisas que acontecem em sua vida, agora, você se depara com o medo. O medo de ficar sozinha, o medo de não ser amada, o medo de não corresponder, o medo de ser rejeitada. Tudo isso acontece em meio a um turbilhão de emoções e acontecimentos e vão deixando sua vida cada vez mais confusa. E como você quer manter um relacionamento legal com o boy que você começou a namorar, você começa a ceder em alguns pontos.

“Claro, Márcio! A chave para um relacionamento é ceder, não é mesmo?”

Mais ou menos! É importante ser participativa? Claro! É importante saber ceder? Claro. Também é importante saber que existem alguns comportamentos que você não deve deixar de fazer simplesmente porque agora você tem um namorado.

Perceba que o fato de você estar namorando não muda quem você é. Ou não deveria mudar quem você é. Agora, você continua sendo você acompanhada por alguém que você escolheu para dividir seus momentos de felicidade e alegria, também os de tristeza e de infortúnios.

Como tem algumas pessoas realmente perdidas nesse mundão de Deus, eu resolvi escrever esse artigo para que você comece a ver com outros olhos, as 5 atitudes que você não deve deixar de ter ao entrar num relacionamento. Bora lá!

O que você não deve deixar de fazer ao entrar num relacionamento:

1. Continuar se conhecendo

É engraçado, mas temos a sensação de que não nos conhecemos quando estamos solteiros e quando começamos a namorar achamos que já nos conhecemos por completo. Quer ver? Quando você discute com seu namorado, provavelmente você já disse isso para ele…

“Você não me conhece, não me testa que vai ser pior para você!”

Não disse?

Acreditamos que nos conhecemos por completo e deixamos passar o primordial, somos seres em evolução. Portanto, estamos em constante mudança. A coisa chega a ser tão engraçada que não somos, na verdade, sempre estamos sendo.

É importante saber que existem alguns comportamentos que você não deve deixar de fazer

Você não é magra. Você está magra. Você não é gorda, você está gorda. Você não é solteira, você está solteira. Você não é casada, você está casada. Você não é encalhada, você está aproveitando sua solteirice para se conhecer. Você não é triste. Você está triste. Você não é feliz. Você está feliz! Consegue perceber a diferença que existe entre uma coisa e outra?

Ok. Entendi, Márcio. Mas o que isso tem a ver?”

Isso tem a ver que se você está o tempo todo em constante mudança, você pode estar evoluindo ou regredindo. Cabe a você se conhecer cada vez mais para perceber que é você quem está no controle.

Veja mais aqui: 5 coisas para não deixar de fazer ao entrar num relacionamento

  • Leia também:

Compartilhe:

Publicidade
Publicidade

Você sabe o que é feminicídio?

O restaurante de comida havaiana do ex-masterchef Ravi

Conheça o lavandário de Cunha

ASMR: O fenômeno do "orgasmo mental"

Publicidade