Atitude sustentável: um jeito diferente de explicar diversidade

Filmes de campanha da Basf abordam como profissionais de áreas diferentes podem trabalhar e aprender juntos em prol do meio ambiente

Por: Redação Comunicar erro

Há indicativos de que indústria e meio ambiente podem conviver em harmonia – é tudo uma questão de jeito de fazer. É o que a empresa química alemã Basf quer mostrar em sua campanha de práticas ligadas à sustentabilidade.

Catraca Livre criou o projeto Causando, apoiado pelo Carrefour, para mostrar como as marcas desenvolvem e assumem causas.

O programa de ecologia industrial da Basf inclui práticas de economia de energia no complexo de Guaratinguetá
Crédito: João Athaíde/BasfO programa de ecologia industrial da Basf inclui práticas de economia de energia no complexo de Guaratinguetá

Assim, a iniciativa Jeito E  mostra como é possível ser produtivo e sustentável ao mesmo tempo. E isso é feito unindo dois profissionais, que trocam informações sobre as áreas em que atuam.

A empresa passou a veicular, em sua plataforma, vídeos sobre esses encontros e as lições que cada um traz. Os filmes foram feitos em parceria com a equipe de Creative Services da Discovery e veiculados no Discovery e na Rede Bandeirantes de Televisão. Já o conceito “Jeito E” foi desenvolvido pela agência Talent.

Um dos curtas, por exemplo, combina uma consultora da indústria de construção e um paisagista, que passeiam por uma casa ecoeficiente. Enquanto ela apresenta soluções para economia de água e energia, ele relata que estudos comprovam que pessoas que trabalham com outros seres – incluindo plantas – produzem mais.

Na mesa e nos cabelos

Outro encontro, dessa vez entre uma chef de cozinha e um cabeleireiro, traz informações sobre a extração sustentável dos óleos da palma, muito usados em cosméticos, produtos de limpeza e alimentos.

Eles falam sobre a escolha do óleo mais sustentável. Ela prepara uma receita com o ingrediente, que eles degustam juntos. Ele retribui cuidando dos cabelos dela.

O tema tem conexão com a atuação da Basf. A empresa estabeleceu a meta de, até 2020, só utilizar óleos de palma chancelados pela RSPO (Roundtable on Sustainable Palm Oil, Mesa-Redonda dos Óleos da Palma Sustentáveis, em português).

Essa organização certifica áreas de plantio da palma, assegurando o cumprimento de princípios e critérios ambientais e sociais que minimizam os impactos negativos do cultivo no ambiente e na sociedade local.

Já no episódio Mata Viva, são convidados uma engenheira química, uma engenheira ambiental e um biólogo. Eles caminham juntos por uma floresta que cerca o complexo químico da Basf instalado em Guaratinguetá, interior de São Paulo.

E falam sobre economia de energia, como desligar a tela do computador e as luzes ao sair, e envolvimento dos funcionários na causa da sustentabilidade.

Ali por onde o trio passeia, a companhia empreende o projeto Mata Viva. Ele inicialmente foi desenvolvido para atender à legislação ambiental, que exigia a recuperação de 100 metros de largura da mata ciliar, às margens do rio Paraíba do Sul. A empresa ampliou voluntariamente essa extensão e já chegou a 300 metros.

Então, cerca de 269 mil mudas de 136 espécies nativas de Mata Atlântica já foram plantadas. A cobertura verde nessa região soma 132 hectares.

Pequenas e grandes ações

Além da economia de energia e da escolha de produtos certificados, o combate ao lixo plástico também entrou para o Jeito E, com um episódio que uniu uma chef de cozinha e um engenheiro industrial.

Ela prepara uma refeição sustentável, em que uma abóbora é toda aproveitada na preparação. Ele a ensina sobre compostagem.

Iniciativas sociais

Na seara da sustentabilidade, a Basf também realiza iniciativas sociais. Uma delas é o Espaço Inclusivo, que capacita jovens em situação de risco social para trabalhar no setor de repintura automotiva.

Realizado em parceria com clientes e centros de formação profissional, o projeto começou no Chile e foi ampliado para Uruguai e Argentina.

Leia também: Campanha amplia a participação de mulheres na tecnologia

Compartilhe: